PROTECÇÃO CIVIL

SANTARÉM: SETE ALDEIAS EVACUADAS

Sete aldeias foram evacuadas no concelho de Mação, distrito de Santarém, devido a um incêndio que deflagrou na Sertã no domingo à tarde, e que, às 22:30 de segunda-feira, lavrava ainda sem controlo.

INCÊNDIOS PREOCUPANTES EM CASTELO BRANCO

Incêndios no distrito de Castelo Branco mobilizavam às 07:46 mais de mil operacionais e obrigaram ao corte de várias estradas, segundo informação da Autoridade Nacional de Protecção Civil (ANP).

EM 2017 JÁ FORAM DETIDOS 60 INCENDIÁRIOS

As detenções por crime de incêndio florestal foram feitas pela GNR e pela Polícia Judiciária. A informação foi avançada no briefing da Protecção Civil ao fim da manhã. Ainda esta quarta-feira foi apanhado um suspeito a atear fogo em Foz Coa.

PROTECÇÃO CIVIL RECUSA “LEI DA ROLHA”

A Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC) garante que “não foi emitida qualquer proibição” que impossibilite que os comandantes operacionais distritais prestem declarações à imprensa. A Protecção Civil justificou a decisão de centralizar a comunicação sobre os incêndios na sede com a necessidade de reservar os comandantes distritais à conduta das operações.

A “LEI DA ROLHA” CHEGOU AOS BOMBEIROS

A Autoridade Nacional de Protecção Civil (ANPC) “proíbe” Bombeiros de prestar informações e entrevistas à Comunicação Social. A ANPC vai fazer a partir desta quarta-feira dois briefings diários, incluindo aos fins de semana, sobre os incêndios no país, um de manhã e outro ao final do dia.

AS RESPOSTAS DA PROTECÇÃO CIVIL, GNR E IPMA

Já são conhecidas as respostas do IPMA – Instituto Português do Mar e da Atmosfera, da GNR – Guarda Nacional Republicana e da Protecção Civil. O Primeiro Ministro António Costa tinha solicitado esclarecimentos a estes serviços, colocando 3 questões, veja aqui as respostas dos serviços.

ESPANHÓIS “ARRASAM” AUTORIDADES PORTUGUESAS

A tragédia de Pedrógão Grande está a pôr em causa o dispositivo português de combate aos incêndios, e de Espanha chegam críticas arrasadoras. Fala-se em “inoperância” e numa “preocupante ausência de meios”, considerando-se que Portugal “não está preparado para fazer frente ao fogo”.

2150 OPERACIONAIS COMBATEM INCÊNDIOS

Mais de 2.150 operacionais, auxiliados por 662 veículos e dez meios aéreos combatiam, às 08:30 de hoje, seis grandes incêndios nos distritos de Leiria, Coimbra, Castelo Branco e Bragança, segundo dados da Protecção Civil.

GOVERNO QUER PROTECÇÃO CIVIL NAS AUTARQUIAS

O Governo vai transferir competências da área da proteção civil para as câmaras municipais e juntas de freguesias, processo que ficará definido no primeiro trimestre deste ano, anunciou hoje o secretário de Estado da Administração Interna. Vê mais aqui. Partilha com os teus amigos !