A4 ESTEVE CORTADA DEVIDO AOS FOGOS

A Autoestrada 4 (A4) esteve cortada nos dois sentidos na localidade de Parada do Pinhão, concelho de Sabrosa, devido aos incêndios no distrito de Vila Real que mobilizam 355 operacionais, apoiados por 100 veículos e quatro meios aéreos.

ALERTA: NO PORTO HÁ “GUIAS TURÍSTICOS” PIRATAS

Os guias turísticos sem carteira profissional são uma realidade crescente no Porto. Nas ruas da cidade confrontam-se guias certificados pelo Sindicato Nacional de Actividade Turística, Tradutores e Intérpretes (SNATTI) e os autopropostos guias, que se encontram em várias páginas de redes sociais.

GAVIÃO: INCÊNDIO EM FASE DE RESOLUÇÃO

O incêndio que lavra desde quinta-feira em Belver, no concelho de Gavião (Portalegre) entrou pelas 11:20 em fase de resolução, segundo a página de internet da Autoridade Nacional da Protecção Civil (ANPC).

VALPAÇOS: FOGOS COLOCARAM CASAS EM RISCO

O vento forte empurrou o fogo para a aldeia de Ervões, em Valpaços, onde as chamas foram combatidas já junto a casas, primeiro pelos habitantes, munidos de tractores, baldes de água e giestas, e depois pelos bombeiros.

CINFÃES: PT DETEVE PRESUMÍVEL INCENCIÁRIA

A Polícia Judiciária (PJ) anunciou hoje a detenção de uma mulher, de 48 anos, que é suspeita de ter ateado dois incêndios florestais em Nespereira, no concelho de Cinfães, supostamente usando fósforos para o efeito; trata-se de uma agricultura de 48 anos num "aparente quadro de desequilíbrio mental".

RIBEIRA DE PENA: FOGO DOMINADO EM AGUNCHOS

O incêndio que queimou uma vasta área de pinhal e que deflagrou terça-feira à tarde em Agunchos, em Ribeira de Pena, foi dominado a meio da manhã de hoje, disse fonte da Proteção Civil.

MAÇÃO: FOGO ACALMOU, MAS AINDA PREOCUPANTE

O incêndio que lavra em Mação, no distrito de Santarém, "diminuiu de intensidade" nas últimas horas, mas mantém duas frentes ativas tendo "tocado" durante a noite as aldeias de Cerro do Outeiro, Casalinho, Serra e Abobobeira.

VILA DE REI: EVACUAÇÕES E FOGO DESCONTROLADO

As aldeias de Louriceira e Cerro do Outeiro, em Mação (Santarém) começaram a ser evacuadas ao final da tarde devido à intensidade do incêndio que se aproxima vindo de Vila de Rei, distrito de Castelo Branco.