Ligue-se a nós

DESPORTO

BENFICA DERROTADO DEIXOU A ÁGUIA (VITÓRIA) EM LISBOA

Autêntico descalabro do Benfica, que sai da Suíça goleado pelo Basileia, com cinco golos sem resposta. André Almeida foi expulso com 0-3 no marcador e as águias ficam a zero pontos após duas jornadas na Liga dos Campeões.

Online há

em

Autêntico descalabro do Benfica, que sai da Suíça goleado pelo Basileia, com cinco golos sem resposta. André Almeida foi expulso com 0-3 no marcador e as águias ficam a zero pontos após duas jornadas na Liga dos Campeões.

O Benfica sofreu uma humilhante derrota em Basileia para a Liga dos Campeões ao ser goleado por 5-0 frente aos octocampeões helvéticos no Estádio St Jakobs. Michael Lang abriu o marcador logo aos 2′ minutos e antes do intervalo Oberlin dilatou a vantagem para os suíços. No segundo tempo, Wolfswinkel, Oberlin e Riveros fecharam as contas do jogo.

No regresso à Liga dos Campeões depois de vencer o Paços de Ferreira em casa para o campeonato nacional, a equipa de Rui Vitória procurava o primeiro triunfo na prova,  após a derrota caseira com o CSKA de Moscovo por 2-1, e o técnico dos ‘encarnados’ (que jogaram de cinzento) apostou no regresso de Jardel ao eixo defensivo e na titularidade de Raul Jiménez ao lado de Jonas.

A jogar em casa, o Basileia entrou muito forte na partida e inaugurou o marcador logo aos 2′ minutos por intermédio de Michael Lang. O defesa suíço de 26 anos aproveitou um mau corte de André Almeida para bater Júlio César no arranque da partida.

A perder desde os primeiros minutos de jogo, o Benfica pareceu acusar o golo e não conseguiu ter uma reação à altura para inverter o rumo dos acontecimentos. Sem Pizzi em grande plano, e com Cervi completamente ‘apagado’ coube a Zivkovic alguns dos poucos rasgos ofensivos da equipa do Benfica. Grimaldo tentava dar mais profundidade ao ataque do Benfica, mas a falta de agressividade dos restantes companheiros de equipa permitia ao Basileia controlar totalmente o jogo.

Perante uma equipa sem ideias, o Basileia aproveitou da melhor forma o total ‘desnorte’ do Benfica para dilatar a vantagem aos 20′ minutos de jogo. A formação helvética aproveitou um pontapé de canto do adversário para colocar a bola no campo contrário através de uma arrancada de Steffen, que depois só precisou de assistir Oberlin, com um passe na diagonal, que na cara de Júlio César fez o 2-0.

Com metade da primeira parte para reduzir a vantagem, a equipa do Benfica tinha a obrigação de pressionar mais o adversário, mas os jogadores do Basileia revelaram-se sempre superiores nos duelos e com facilidade conseguiram anular por completo a estratégia de Rui Vitória.

Raul Jiménez ainda teve nos pés uma grande ocasião de golo para reduzir antes do intervalo, mas o remate do internacional mexicano acabou por sair por cima da baliza contrária.

No segundo tempo, Rui Vitória tirou Cervi e lançou Salvio no jogo. O Basileia continuou superior e ameaçou a baliza de Júlio César logo aos 49′ minutos com Michael Lang a surgir isolado na grande área do Benfica e a desferir um forte remate cruzado, com a bola a sair para fora, mas a tocar no poste.

Sem a criatividade de Pizzi, e com uma total apatia dos jogadores do Benfica, o Basileia acabou por expor ainda mais as fragilidades da equipa de Rui Vitória com o 3-0 aos 59′ minutos com Ricky van Wolfswinkel a converter uma grande penalidade de Fejsa.

Mas o pior ainda estava para vir quando aos 62′ minutos, André Almeida perde a cabeça numa disputa de bola na linha lateral e vê o cartão vermelho direto.

A jogar em inferioridade numérica, a formação ‘encarnada’ foi incapaz de apresentar argumentos válidos para deixar a sua marca no jogo, e com o desenrolar da partida o Basileia foi construindo com tranquilidade um resultado histórico.

Aos 69′ minutos, Pizzi voltou a demonstrar que não está em forma e com um passe para trás acabou por assistir Oberlin para o suíço bisar e fazer o 4-0.

Com 20 minutos para jogar, a humilhação do Benfica foi ainda maior quando aos 76 minutos Riveros aproveitou uma confusão na área adversária para rematar de pé esquerdo para o 5-0 final.

O Basileia garantiu assim um importante triunfo no Grupo A da Liga dos Campeões, enquanto que o Benfica somou a pior derrota na Liga dos Campeões da sua história. Depois de regressar aos triunfos frente ao Paços de Ferreira, a equipa de Rui Vitória foi incapaz de apresentar argumentos frente ao octocampeão helvético e pode mesmo ter colocado a continuidade nas provas europeias em risco.

EM DIRETO:

90′ – Dois minutos de compensação.

87′ – Van Wolfswinkel obriga Júlio César a uma grande defesa.

77′ – GOLO DO BASILEIA! Riveros aumenta para 5-0.

77′ – Por duas vezes o Basileia acerta no ferro

74′ – Substituição no #Benfica. Sai Zivkovic, entra Samaris. O Benfica esgota as substituições.

74′ – Substituição no Basileia. Sai Oberlin, entra Elyounoussi.

69′ – GOLO DO BASILEIA! Oberlin bisa na partida após um erro incrível de Pizzi.

68′ – Substituição no Basileia. Sai Petretta, entra Riveros.

67′ – Substituição no Benfica. Sai Jonas, entra Seferovic.

63′ – Cartão vermelho direto para André Almeida por entrada dura sobre Petretta. O Benfica fica reduzido a 10 jogadores.

61′ – Jiménez atira de cabeça por cima da baliza.

59′ – GOLO DO BASILEIA! Van Wolfswinkel converte o penalti.

58′ – Penalti para o Basileia! Fejsa derruba Oberlin na grande área.

55′ – Zivkovic e Xhaka veem o cartão amarelo.

50′ – Cartão amarelo para Pettreta.

49′ – Lang isolado quase faz o 3-0, a bola passou ao lado da baliza.

46′ – Pettreta a obrigar Júlio César a uma grande defesa!

45′ – Substituição no Benfica. Sai Cervi, entra Salvio.

Início da segunda parte: Sai o Basileia com a bola.

Intervalo no jogo: Basileia, 2 – Benfica, 0

45′ – Cartão amarelo para Akanji.

44′ – Raúl é bem desmarcado por Jonas, mas o remate sai muito alto.

39′ – Xhaka atira por cima.

28′ – Jardel surge em boa posição na sequência de um canto, mas remata por cima da baliza.

20′ – GOLO DO BASILEIA! Steffen completamente isolado não teve problemas em bater Júlio César.

17′ – Remate de Jonas contra Balanta.

10′ – Balanta corta o remate de Raúl.

8′ – Remate de Grimaldo a não levar a direção da baliza.

02′ – GOLO DO BASILEIA! Marca Lang com um remate cruzado.

19:45 – Início da primeira parte. Sai o Benfica com a bola.

19:42 – As equipas já estão em campo! Ouve-se o hino da #Liga dos Campeões.

19:00 – Onze inicial e suplentes do Basileia

Onze inicial: Tomás Vaclík (GR), Marek Suchý (C), Manuel Akanji, Éder Balanta, Luca Zuffi, Taulant Xhaka, Michael Lang, Raoul Petretta, Dimitri Oberlin, Renato Steffen e Ricky van Wolfswinkel.

Suplentes: Mirko Salvi (GR), Geoffroy Serey Dié, Mohamed Elyonoussi, Blás Riveros, Cédric Itten, Dominik Schmid e Kevin Bua.

Treinador do Basileia: Raphael Vicky.

19:00 – Onze inicial e suplentes do Benfica

Onze inicial: Júlio César (GR), André Almeida, Luisão (C), Jardel, Alex Grimaldo, Ljubomir Fejsa, Pizzi, Andrija Zivkovic, Franco Cervi, Jonas e Raúl Jiménez.

Suplentes: Bruno Varela (GR), Filipe Augusto, Andreas Samaris, Toto Salvio Gabriel Barbosa, Rafa Silva e Haris Seferovic.

Treinador do Benfica: Rui Vitória.

00:00 – O Benfica procura a primeira vitória na Liga dos Campeões de 2017/18. O adversário desta noite é o Basileia e jogo tem início às 19h45 no St. Jakob-Park (hora de Lisboa).

O conjunto treinado por Rui Vitória não teve uma estreia feliz nesta edição da Liga dos Campeões. Os encarnados perderam no Estádio da Luz frente aos russos do CSKA de Moscovo por 1-2 num jogo onde chegaram a estar a ganhar, mas onde acabaram por permitir a reviravolta no marcador em apenas oito minutos.

O Basileia teve também o mesmo destino dos encarnados, a equipa oriunda da Suíça perdeu em Old Trafford frente aos ingleses do Manchester United treinado por José Mourinho por 3-0 e procuram igualmente frente ao Benfica os primeiros pontos na competição. Nesta jornada, os red Devils deslocam-se até Moscovo para defrontarem o CSKA num jogo que pode determinar a liderança isolada do Grupo A.

Estas duas equipas já se tinham defrontado na fase de grupos da época de 2011/12, curiosamente num grupo que contou também com o Manchester United. Nessa época, Basileia e Benfica seguiram para os oitavos-de-final. Os encarnados venceram na Suíça por 2-0 e empataram a uma bola no Estádio da Luz. Esta é a terceira vez que as duas equipas se defrontam nas competições europeias.

DESPORTO

FUTEBOL: PORTUGAL DESCE AO OITAVO LUGAR NO RANKING DA FIFA

Portugal desceu do sexto para o oitavo lugar do ranking da FIFA, numa hierarquia liderada pela Argentina e na qual a Espanha, nova campeã europeia, ascendeu ao terceiro lugar, anunciou o organismo que rege o futebol mundial.

Online há

em

Portugal desceu do sexto para o oitavo lugar do ranking da FIFA, numa hierarquia liderada pela Argentina e na qual a Espanha, nova campeã europeia, ascendeu ao terceiro lugar, anunciou o organismo que rege o futebol mundial.

Afastado do Euro2024 nos quartos de final, após perder com a França no desempate por grandes penalidades, Portugal desceu duas posições e segue imediatamente atrás dos Países Baixos, que se mantiveram no sétimo lugar.

Na frente, mantém-se a campeã mundial Argentina, que no domingo venceu a Copa América, seguida da França, segunda, e da Espanha, que conquistou, também no domingo, o seu quarto título de campeã europeia e ascendeu ao pódio, subindo cinco posições no ranking.

A Inglaterra, finalista vencida no Euro2024, subiu do quinto para o quarto lugar, por troca com o Brasil, que desceu uma posição, à frente da Bélgica, sexta, depois de ter descido três lugares.

A Colômbia, que foi finalista da Copa América, subiu três posições e entrou no top 10, ocupando o nono lugar, à frente da Itália, que mantém o 10.º posto.

Entre as seleções treinadas por portugueses, os Emirados Árabes Unidos, comandados por Paulo Bento, mantiveram o 69.º, enquanto a seleção de Angola, liderada por por Pedro Gonçalves, subiu para 90.º posto.

A Guiné-Bissau, de Luís Boa Morte, ascendeu ao 114.º, e o Kuwait, orientado por Rui Bento, subiu a 136.º.

LER MAIS

DESPORTO

PRÉ-ÉPOCA: SPORTING EMPATA EM JOGO DE TREINO FRENTE AO UNION SAINT-GILLOISE

O Sporting empatou hoje 2-2 com os belgas do Union Saint-Gilloise, no primeiro jogo de preparação para a época 2024/25 do campeão português de futebol aberto ao público, no Estádio Algarve, em Faro.

Online há

em

O Sporting empatou hoje 2-2 com os belgas do Union Saint-Gilloise, no primeiro jogo de preparação para a época 2024/25 do campeão português de futebol aberto ao público, no Estádio Algarve, em Faro.

Rafael Nel, aos 45+1 minutos, deu vantagem aos comandados de Rúben Amorim, que voltariam a marcar, já na segunda parte, por Pedro Gonçalves, aos 54, antes de Sadiki e do canadiano Promise David, aos 73 e 88, empatarem para o vencedor da Taça da Bélgica e vice-campeão em 2023/24.

Os ‘leões’ sofreram hoje os primeiros golos da pré-temporada futebolística, no quarto jogo, depois da igualdade 0-0 com o Estoril Praia, da I Liga, e os triunfos, respetivamente, por 3-0 e 2-0 diante de Torreense e Portimonense, este último durante o dia de hoje.

O Sporting tem como primeiro jogo oficial da temporada o embate da Supertaça Cândido Oliveira, em 03 de agosto, em Aveiro, frente ao FC Porto, que bateu os ‘verde e brancos’ na final da última edição da Taça de Portugal.

A preparação da formação ‘leonina’ prossegue com jogos na terça-feira diante do Farense, à porta fechada, em Lagos, e do Sevilha, novamente no Estádio Algarve, antes de defrontar o Athletic Bilbau, no dia 27, no jogo do Troféu Cinco Violinos, que serve para apresentar o plantel aos adeptos, no Estádio José Alvalade, em Lisboa.

LER MAIS

MAIS LIDAS