BOAVISTA ‘CONDENADO’ A PAGAR 7 MIL EUROS POR AGRESSÕES

O Boavista foi multado em 7.010 euros por ‘agressão a espetadores e outros intervenientes’ no encontro com o Sporting, da última temporada, anunciou hoje o Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol.

O Boavista foi multado em 7.010 euros por “agressão a espetadores e outros intervenientes” no encontro com o Sporting, da última temporada, anunciou hoje o Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol.

Após o encontro da I Liga, disputado a 09 de março de 2019, no Estádio do Bessa, no Porto, o Sporting anunciou que ia agir “criminalmente contra Jorge Loureiro”, membro do Conselho Geral do Boavista, “em face dos vergonhosos acontecimentos” após o final do encontro entre os dois clubes.

Segundo o comunicado, o clube ‘leonino’ ia agir criminalmente contra o boavisteiro “pelas agressões contra um membro do Conselho Diretivo do Sporting”, mas também participar à Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP), à Federação Portuguesa de Futebol (FPF) e a outras “entidades competentes”, pretendendo “a exclusão de Jorge Loureiro dos recintos desportivos de Portugal”.

Assinado pelo Conselho Diretivo do clube, o comunicado denunciava agressões a um dos membros daquele órgão e “o clima de intimidação criado por um grupo de cerca de 20 pessoas, algumas pertencentes aos órgãos sociais do Boavista”, sobre outros dois dirigentes ‘leoninos’.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.