RÁDIO REGIONAL
REGIÕES

CHAVES: GNR DISPONIBILIZA CAVALO E PICADEIRO PARA HIPOTERAPIA

nbsp| RÁDIO REGIONAL

Cidadãos com necessidades especiais vão poder participar em sessões de hipoterapia com um cavalo da GNR e nas suas instalações, em Chaves, no âmbito de um protocolo assinado hoje entre a força de segurança e o município.

“Pretende-se criar condições para que sejam disponibilizadas a cidadãos com necessidades especiais sessões terapêuticas, neste caso hipoterapia”, afirmou o presidente da Câmara de Chaves, Nuno Vaz.

O autarca explicou que, no âmbito do protocolo assinado hoje, a GNR vai disponibilizar o picadeiro, que dispõe nas suas instalações em Chaves, e o cavalo com as características especificas para este tipo de terapêutica.

Por sua vez, para além da logística, caberá ao município fazer a identificação e o encaminhamento dos potenciais destinatários, crianças e jovens portadores de deficiência, ligados a Instituições Particulares de Solidariedade Social (IPSS) ou a escolas.

As sessões de hipoterapia envolverão o tratador do cavalo e os terapeutas. Trata-se de um método terapêutico que recorre à interação com cavalos para melhorar ou desenvolver o funcionamento cognitivo, emocional ou fisiológico das pessoas com deficiência.

Esta era, segundo o autarca, uma resposta que “ainda não existia” em Chaves, referindo também que a ideia remonta a 2020, mas a sua concretização foi atrasada por causa de pandemia de covid-19 e pela alocação do cavalo com as necessárias características para esta atividade.

Nuno Vaz destacou a importância do projeto para a comunidade e disse que se pretende a sua concretização “de imediato”.

O protocolo foi assinado pelo presidente da Câmara de Chaves, Nuno Vaz, e o coronel João Brito, comandante do Comando Territorial de Vila Real da GNR.

A GNR possui atualmente cinco cavalos no Destacamento Territorial de Chaves, que são usados em ações de patrulhamento.

VEJA AINDA:

VISEU: JUDICIÁRIA DETEVE UM HOMEM SUSPEITO DE SEQUESTRAR UMA MULHER

Lusa

VALE DE CAMBRA: 40 ALDEIAS SEM MÉDICO DE FAMÍLIA HÁ UM MÊS

Lusa

GUARDA: AUTARQUIA ALERTA AGRICULTURES PARA ‘TEMPOS DIFÍCEIS’ DEVIDO À SECA

Lusa

PORTO: HOSPITAL DE SÃO JOÃO VACINA GRATUITAMENTE MULHERES COM RISCO DE CANCRO

Lusa

VIANA DO CASTELO: COMBOIO PASSA POR CIMA DE SEM-ABRIGO QUE ‘ESCAPA’ ILESA

Lusa

PORTO: JOVEM DE 18 ANOS ESFAQUEOU UM HOMEM POR CAUSA DO ‘BARULHO’

Lusa