Ligue-se a nós

DESPORTO

FC PORTO VENCE MÓNACO E SEGUE PARA OS OITAVOS

Dragões foram a única equipa portuguesa presente na fase de grupos a garantir presença nos oitavos de final da Champions.

Online há

em

O FC Porto goleou, esta quarta-feira, o Mónaco por 5-2 e carimba a presença nos oitavos de final da Liga dos Campeões. Depois do clássico frente ao Benfica, o FC Porto tinha um compromisso importantíssimo com vista à sua continuidade na liga milionária.

O duelo era novamente contra o Mónaco de Leonardo Jardim e bastava ao conjunto de Sérgio Conceição fazer o mesmo resultado do Leipzig para garantir uma vaga nos oitavos de final na mais prestigiada competição da UEFA de clubes. Já a equipa às ordens de Leonardo Jardim, já eliminada das competições europeias, lutava apenas pela honra.

O reencontro era feliz, já que foi contra o Mónaco que o clube da Invicta festejou a conquista da Champions, vitória por 3-0 em 2004, em Gelsenkirchen. Também na fase de grupos deste ano, o conjunto portista tinha vencido de forma folgada por 3-0 no principado.

AS ALTERAÇÕES:

Com a indisponibilidade de Sérgio Oliveira (por castigo), Sérgio Conceição apostou em Otávio. Mas uma lesão do jogador brasileiro no aquecimento trocou as voltas ao técnico do FC Porto, que teve que recorrer a André André.

Do lado monegasco, Rony Lopes foi titular, com João Moutinho a serem deixados inicialmente no banco de suplentes.

O JOGO:

A precisar de abanar as redes adversárias, depois de uma avalanche de oportunidades falhadas frente ao Benfica, os dragões chegaram ao golo cedo. Decorria o minuto 9. Lance de insistência do conjunto portista, com Brahimi a cruzar e Aboubakar a fazer o primeiro no Dragão. Quebrava-se assim o pequeno enguiço do camaronês que há três jogos que não marcava.

A notícia do golo do Besiktas frente ao Leipzig também reforçava a margem confortável que os dragões já tinham. Talvez por respirar melhor ou ver com clareza as portas dos oitavos, o FC Porto foi para cima do adversário, à procura de dilatar a vantagem. Por duas vezes Danilo testou a atenção de Benaglio, num sinal de aviso do que aí vinha.

Ao 34 minutos, o FC Porto dilatou a vantagem. Jogada de régua e esquadro dos dragões, com a bola a passar por Brahimi e Danilo até chegar aos pés de Aboubakar, que com muita calma ajeitou para o pé direito e bisou na partida.

Ao minuto 39, as duas equipas ficaram a jogar com 10. Filipe e Ghezzal envolveram-se numa troca de galhardetes e receberam os dois o cartão vermelho.

Os restantes minutos até ao intervalo tiveram motivos de interesse. Primeiro com o português Rony Lopes a colocar à prova José Sá. Depois, com Brahimi a fazer mais um para a equipa da casa, com Aboubakar uma vez mais como protagonista. O dianteiro colocou a bola de forma adocicada em Brahimi, que um toque de classe ampliou a vantagem.

Na segunda-parte, o FC Porto parecia não se querer levantar do sofá. Com o apuramento no bolso, perante a gorda vantagem e a vantagem o Besiktas, aos azuis-e-brancos bastaria não baixar a guarda para não deixar o FC Porto crescer no jogo e aproximar-se no marcador.

O interesse cresceu sobretudo no reencontro do passado com o presente. Falcao e Moutinho aqueciam e eram aplaudidos pelo público.

No relvado as equipas esfriavam, a bola morria e o ritmo era morno. Só uma grande penalidade assinalada contra o FC Porto foi o despertador para a equipa de Sérgio Conceição. Glik na conversão bateu José Sá.

Acordado pelo golo do Mónaco, o golaço de Alex Telles, num disparo certeiro e cruzado pareceu querer tirar o Porto dessa letargia e da cabeça que já pensava nos oitavos.

Depois do quarto dos azuis-e-brancos, aplauso dos 42.509 espectadores para as entradas de Moutinho e Falcao. E o Dragão voltou a curvar-se com o tento do Falcao, no regresso do goleador ao Dragão. Keita Baldé cruzou na esquerda e com o colombiano a cabecear em grande estilo para o 4-1.

Restava a Sérgio Conceição fazer descansar quem já tinha feito o trabalho no caso de Aboubakar, e dar confiança a outros com a entrada de Tiquinho.

Foi ouro sobre azul, já que o FC Porto chegou ao quinto, com a assinatura de Soares. Cabeçada indefensável do avançado, depois de um centro de Corona.

O FC Porto garantiu assim os oitavos de final da Champions depois de uma grande exibição no Dragão e encaixa desde já 7.5 milhões de euros pelo apuramento para a próxima fase.

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

DESPORTO

EURO 2024: ESPANHA E INGLATERRA NA GRANDE FINAL DE DOMINGO

A Espanha vai tentar provar, uma última vez, que é a melhor equipa do Euro20024 de futebol, frente a um conjunto de craques apostados em evitar que a Inglaterra perca uma segunda final consecutiva, no domingo, em Berlim.

Online há

em

A Espanha vai tentar provar, uma última vez, que é a melhor equipa do Euro20024 de futebol, frente a um conjunto de craques apostados em evitar que a Inglaterra perca uma segunda final consecutiva, no domingo, em Berlim.

Vencedora já de um recorde de seis jogos, a “Roja” chega à capital alemã como a equipa que transporta o futebol bonito, a estética, e tem provado, jogo a jogo, que é possível ganhar pela positiva, sendo considerada favorita a inédito quarto título, apesar de do outro lado estarem Bellingham, Kane, Foden ou Saka.

Precisamente na casa da outra tricampeã continental, a Espanha pode fazer história e tornar-se a primeira a chegar ao “tetra”, repetindo 1964, 2008 e 2012, sendo Jesús Navas, agora como então suplente, o único sobrevivente de há 12 anos.

Se triunfar, ganhará a equipa que, desde o dia 1, encantou, pela qualidade do seu futebol, manifestada em todos os jogos, mesmo quando Luis de la Fuente mudou toda a equipa no fecho da fase de grupos (1-0 à Albânia, após 3-0 à Croácia e 1-0 à Itália).

A Espanha não teve, porém, vida fácil, sobretudo a eliminar, sendo que esteve a perder com a Geórgia (4-1), nos “oitavos”, só se desembaraçou da Alemanha (2-1) aos 119 minutos, nos “quartos”, e, nas “meias”, voltou a estar em desvantagem, com a França (2-1).

Mas, nos seis jogos, os espanhóis nunca perderam a compostura, nunca duvidaram, nunca abdicaram de uma certa maneira de jogar que apaixonou, culpa também dos “miúdos” Lamine Yamal, que cumpre no sábado 17 anos, e Nico Williams, de 21.

Depois, há também Rodri, Fabián Ruiz, Dani Olmo, que, na peugada de Busquets, Xavi e Iniesta, não deixam a Espanha jogar mal, numa equipa que, na máxima força, também poderia ter na final Rodri e Gavi, ambos lesionados, o primeiro nos ‘quartos’.

Atrás, o guarda-redes Unai Simón, mesmo não escapando a alguns lapsos, também dá garantias, enquanto Carvajal, Le Normand, Nacho, Laporte e Cucurella conferem experiência.

O capitão é Álvaro Morata, um ponta de lança que é sempre um perigo e ainda há Merino, o do grande golo à Alemanha, Oyarzabal, Grimaldo ou Ferran Torres, todos sempre prontos a conferir qualidade ao jogo espanhol.

Ainda falta, porém, uma última batalha, frente a uma Inglaterra que terá sido uma das equipas mais criticadas durante a competição, face a um futebol que adormeceu mais do que encantou em muitos momentos.

Ingleses de duas faces

Os ingleses começaram com um triunfo (1-0 à Sérvia) e prosseguiram com duas igualdades (1-1 com a Dinamarca e 0-0 com a Eslovénia), que fizeram “disparar os alarmes”.

A formação dos “três leões” entrou para o “mata mata” repleta de pontos de interrogação e confirmou-os nos “oitavos”, em que, perante a Eslováquia, esteve em desvantagem desde os 25 minutos e até quase ao final dos descontos.

Quando o adeus parecia certo, uma “bicicleta” de Jude Bellingham, aos 90+5 minutos, num dos momentos mais belos do Euro2024, a par do golo de Yamal à França, salvou o conjunto de Gareth Southgate, depois apurado com um tento de Harry Kane (91).

Também num jogo em que esteve a perder, a Inglaterra precisou dos penáltis para afastar a Suíça (5-3, após 1-1), na redenção de Saka, nos “quartos”, e, nas “meias”, bateu os Países Baixos (2-1) com nova reviravolta, concretizada nos descontos, pelo suplente Ollie Watkins.

Foi complicado, sofrido, o futebol chegou a ser “sonolento”, mas a Inglaterra está de novo a um triunfo do segundo grande título, para juntar ao Mundial de 1966, arrebatado em casa.

Três anos depois, Pickford, Walker, Stones, Trippier, Shaw, Rice, Saka, e Kane podem repetir a presença na final, sendo que, para o capitão Kane, é mais uma oportunidade para, aos 30 anos, conquistar, finalmente, o primeiro título coletivo da carreira.

Espanha e Inglaterra disputam no domingo, pelas 20h00 em Lisboa, a final Euro2024, em Berlim, com arbitragem do francês François Letexier, de 35 anos, o mais jovem árbitro a ajuizar o jogo decisivo da prova.

LER MAIS

DESPORTO

BOAVISTA FC: GUINEENSE IBRAHIMA CAMARÁ JÁ TREINA NO BESSA

O médio internacional guineense Ibrahima Camará integrou os trabalhos de pré-época do Boavista, da I Liga, que passou a ter 22 futebolistas à disposição do treinador italiano Cristiano Bacci, disse à agência Lusa fonte “axadrezada”.

Online há

em

O médio internacional guineense Ibrahima Camará integrou os trabalhos de pré-época do Boavista, da I Liga, que passou a ter 22 futebolistas à disposição do treinador italiano Cristiano Bacci, disse à agência Lusa fonte “axadrezada”.

Autorizado a apresentar-se mais tarde, devido a razões pessoais, o jogador, de 25 anos, compareceu ao sétimo dia de treinos e evoluiu pela primeira vez no relvado contíguo ao Estádio do Bessa, no Porto, partindo para a terceira temporada seguida pelas “panteras”.

Ibrahima aumentou as opções de Cristiano Bacci, que ainda aguarda pelas chegadas do médio colombiano e capitão Sebastián Pérez, também ausente por motivos pessoais, do defesa central Chidozie, que representou a seleção da Nigéria em junho, e do avançado Róbert Bozeník, presente no trajeto da Eslováquia até aos oitavos de final do Euro2024.

O Boavista tem sete jogos de preparação previstos até ao início da sua 62.ª presença, e 11.ª seguida, na I Liga, com a visita ao Casa Pia, em Rio Maior, em 10 ou 11 de agosto.

LER MAIS
Subscrever Canal WhatsApp
RÁDIO ONLINE

LINHA CANCRO
DESPORTO DIRETO

RÁDIO REGIONAL NACIONAL: SD | HD



RÁDIO REGIONAL VILA REAL


RÁDIO REGIONAL CHAVES


RÁDIO REGIONAL BRAGANÇA


RÁDIO REGIONAL MIRANDELA


MUSICBOX

WEBRADIO 100% PORTUGAL


WEBRADIO 100% POPULAR


WEBRADIO 100% LOVE SONGS


WEBRADIO 100% BRASIL


WEBRADIO 100% OLDIES


WEBRADIO 100% ROCK


WEBRADIO 100% DANCE


WEBRADIO 100% INSPIRATION

KEYWORDS

FABIO NEURAL @ ENCODING


NARCÓTICOS ANÓNIMOS
PAGAMENTO PONTUAL


MAIS LIDAS