FOI DESCOBERTA UMA CIDADE SUBTERRÂNEA GIGANTE NA BOLÍVIA

Uma equipa de arqueólogos bolivianos descobriu uma cidade subterrânea, do período pré-inca, que é tão grande que os especialistas acreditam que as escavações podem durar 50 anos.

Uma equipa de arqueólogos bolivianos descobriu uma cidade subterrânea, do período pré-inca, que é tão grande que os especialistas acreditam que as escavações podem durar 50 anos.

Arqueólogos bolivianos descobriram uma cidade subterrânea, do período pré-inca, em Tiwanaku, na Bolívia. A cidade tem uma extensão tal que os especialistas acreditam que as escavações podem durar, pelo menos, 50 anos, anunciou o Ministério da Cultura boliviano.

“Com novos dados obtidos com a ajuda de tecnologia evoluída foi encontrada uma cidadela pré-hispânica fora do perímetro arqueológico, onde foi detetada uma praça subterrânea e duas plataformas daquilo que é considerado ser uma pirâmide“, revelou o ministério.

A descoberta foi feita durante os trabalhos de conservação e preservação de Tiwanaku, classificado como Património Cultural da Humanidade pela UNESCO, em 2000, adianta o Jornal de Notícias.

Julio Condori, responsável pelo Centro de Investigação Arqueológica, Antropológica e Administrativa de Tiwanaku, afirmou que as principais escavações “serão feitas no sudoeste e no norte, com o objetivo de confirmar os dados recolhidos”.

Em caso de confirmação, esta descoberta arqueológica irá obrigar a repensar a ideia de que Tiwanaku era apenas um centro cerimonial, de modo a considerá-lo também uma cidade pré-hispânica.

Localizado a 71 quilómetros de La Paz, o complexo de cerimónias de Tiwanaku conta com os templos construídos em honra de Kalasasaya e Puma Punku e acolhe ainda a Porta de Sol, a Pirâmide de Akapana e vários monólitos.

ZAP | JN

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.