REGIÕES

HOSPITAL DE CHAVES POLÉMICO

HOSPITAL DE CHAVES

A notícia foi avançada pelo Jornal de Notícias. Só depois de estarem no bloco, e depois dos preparativos ministrados, é que as doentes foram informadas que afinal não seriam operadas naquele dia por falta de fio de sutura.

Pelo menos duas cirurgias foram adiadas na manhã de Segunda-Feira 28-03-2016. As doentes foram internadas no domingo de Páscoa para serem preparadas para uma intervenção do foro ginecológico programada para a manhã de segunda-feira.

De acordo com o referido jornal, o marido de uma das doentes diz que ficou perplexo com a situação e ainda se disponibilizou a ir comprar o material em falta à farmácia.

No entanto, segundo a testemunha, o médico explicou que a aquisição do material teria de ser feita por concurso e pela administração hospitalar.

Segundo JN, a administração do centro hospitalar vai abrir um processo para averiguar o caso.

VEJA AINDA:

ALFÂNDEGA DA FÉ: SURTO COM 50 INFETADOS DE COVID-19 NO LAR DOS CEREJAIS

Lusa

COVID-19: MÉDICOS DE SAÚDE PÚBLICA ‘PREOCUPADOS’ COM A MORTALIDADE EM PORTUGAL

Lusa

AVEIRO: UNIVERSIDADE ULTRAPASSA OS 500 CASOS DE COVID-19

Lusa

COVID-19: MARCELO ADMITE QUE PERÍODO DE CONFINAMENTO DURE ATÉ MARÇO

Lusa

MOITA FLORES ACUSADO DE CORRUPÇÃO E BRANQUEAMENTO POR OBRA QUANDO FOI AUTARCA EM SANTARÉM

Lusa

COVID-19: PARLAMENTO NA MADEIRA COM NOVAS MEDIDAS DE COMBATE À PANDEMIA

Lusa