REGIÕES

MONDIM DE BASTO: 250 MIL EUROS PARE REQUALIFICAR O POSTO DA GNR

A Câmara de Mondim de Basto anunciou a abertura do concurso público para a obra de remodelação do posto da GNR do concelho, num investimento estimado de 250 mil euros.

A autarquia informou, em comunicado, que deu início ao procedimento de abertura do concurso público para avançar com a obra de remodelação do edifício, inaugurado em 1994 e que situado numa das entradas da vila.

Segundo a câmara, trata-se de um “investimento estimado em 250 mil euros” que resultou de um contrato de cooperação interadministrativo, celebrado em agosto de 2019 entre o município, a Secretaria-Geral da Administração Interna e a Guarda Nacional Republicana”.

Através deste contrato, a autarquia assumiu a posição “de dono da obra”, ficando incumbida de “promover a abertura do procedimento de contratação, a execução do contrato de empreitada e a respetiva fiscalização e coordenação de segurança da remodelação do posto”.

A empreitada tem um prazo de execução de 180 dias e os interessados deverão apresentar as suas propostas até 15 dias, após a abertura do concurso público na plataforma “AnoGov”.

Segundo a câmara, o imóvel onde se encontra instalada a GNR “possui algumas patologias resultantes de infiltrações provenientes das coberturas, que têm agravado o estado de conservação do edifício”.

Além disso, acrescentou, “as características do edifício não garantem as condições funcionais, nomeadamente, no que diz respeito a acessibilidade e privacidade no atendimento”.

O projeto de remodelação inclui ainda uma “intervenção na área de detenção”.

O posto de Mondim de Basto possui um efetivo de 22 militares, mais seis guardas afetos ao núcleo de proteção do ambiente.

A GNR possui 25 edifícios no distrito de Vila Real. No ano passado foram anunciadas obras para os postos de Alijó, Murça e Sabrosa.

VEJA AINDA:

AVEIRO: 13 ANOS DE PRISÃO PARA HOMEM QUE MATOU A MÃE

Lusa

AÇORES: SITUAÇÃO DE CALAMIDADE PROLONGADA ATÉ 23 DE OUTUBRO

Lusa

MONTIJO: INCÊNDIO NUMA EMPRESA CAUSA DOIS FERIDOS

Lusa

ALVAIÁZERE: SETE UTENTES E DOIS FUNCIONÁRIOS DE LAR INFETADOS COM COVID-19

Vítor Fernandes

BRAGANÇA: PSD QUESTIONA AUSÊNCIA DE RASTREIO DO CANCRO DA MAMA

Lusa

BRAGANÇA: MAIS 23 IDOSOS INFETADOS EM LARES DA MISERICÓRDIA

Lusa