Connect with us

REGIÕES

O VÍDEO DO ACIDENTE DA MADEIRA COM 28 MORTOS

Um autocarro de turismo com 55 passageiros saiu de uma estrada na zona do Caniço, na Madeira, caindo em cima de uma habitação e provocando vários mortos, esta quarta-feira. Até ao momento, foram confirmados 28 mortos – 11 homens e 17 mulheres – e 28 feridos.

RÁDIO REGIONAL

Data:

em

Um autocarro de turismo com 55 passageiros saiu de uma estrada na zona do Caniço, na Madeira, caindo em cima de uma habitação e provocando vários mortos, esta quarta-feira. Até ao momento, foram confirmados 28 mortos – 11 homens e 17 mulheres – e 28 feridos.

Segundo avançou o Diário de Notícias, o presidente do Serviço Regional da Proteção Civil, José Dias, confirmou em conferência de imprensa que os 28 feridos foram transportados para o hospital com ferimentos de várias gravidades.

Em declarações à RTP, o presidente do município de Santa Cruz, Filipe Sousa, já havia confirmado a morte das 28 pessoas. As vítimas mortais são de nacionalidade estrangeira. Tanto o condutor como a guia, de nacionalidade portuguesa, sobreviveram e foram encaminhados para o hospital, embora não se consiga precisar o estado de saúde.

O Diário de Notícias da Madeira e a RTP Madeira indicaram que o acidente ocorreu numa curva junto ao entroncamento da Estrada da Ponta da Oliveira com a Rua Alberto Teixeira (antiga variante).

De acordo com o Jornal de Notícias, o autocarro, com turistas estrangeiros, saiu do Hotel Quinta Splendida com destino ao Funchal, tendo o acidente ocorrido às 18:30. Por motivos que ainda se desconhecem, o motorista perdeu o controlo do veículo coletivo de passageiros e acabou por precipitar-se sobre uma casa.

Filipe Sousa já havia informado que várias pessoas tinham sido retiradas para o hospital da Cruz de Carvalho (atual Hospital Central do Funchal) e algumas estavam a ser assistidas no local.

As primeiras informações recolhidas pelo Diário de Notícias da Madeira revelam “um cenário horrendo”, com corpos espalhados pela encosta.

Depois de o acesso ao Caniço de Baixo a partir do centro da cidade ter estado encerrado de modo a permitir o socorro às vítimas, às 21:40 as autoridades estavam a retirar os cadáveres do local, referiu o Diário de Notícias.

Também em conferência de imprensa, o responsável da proteção civil e o secretário regional da Saúde, Pedro Ramos, explicaram que está a ser prestado apoio psicológico às vítimas e aos familiares e amigos. O grupo de turistas alemães ocupava dois autocarros, tendo um deles acabado por se despistar.

À TVI 24, a Proteção Civil da Madeira indicou que foram enviados para o local “muitos meios de várias corporações”, incluindo duas viaturas de emergência médica, 13 ambulâncias e duas viatura de apoio ao desencarceramento e um total de 50 operacionais.

Medicina Legal reforçada no Funchal:

O Instituto Nacional de Medicina Legal e Ciências Forenses vai enviar uma equipa do continente para a Madeira para reforçar o gabinete do Funchal. “O Instituto de Medicina Legal já está a preparar uma equipa que vai de cá para lá, para reforçar o Gabinete Médico-Legal do Funchal”, disse à agência Lusa fonte oficial do Ministério da Justiça.

A fonte não conseguiu, porém, adiantar quantos profissionais integrarão a equipa que vai prestar apoio ao Gabinete Médico-Legal e Forense do Funchal, instalado no Hospital dr. Nélio Mendonça.

“Ainda não têm isso fechado, porque estão à espera da confirmação do número de mortos”, indicou a fonte, apontando que, mediante essa informação, “ajustarão às necessidades”.

Fonte oficial do ministério liderado por Francisca Van Dunem informou também que este reforço poderá partir “ainda esta noite”.

DN | ZAP | LUSA | JN | TVI24









LINHA CANCRO
MUSIC BOX
WEB-SUMMIT

AS MAIS LIDAS