REGIÕES

PEDRO DIAS: O FUGITIVO “IMPARÁVEL”

UM FUGITIVO "IMPARÁVEL" CONTINUA A MONTE

Pedro João Dias tem 44 anos e é, actualmente, o homem mais procurado do país. Na madrugada da última terça-feira assassinou um militar da GNR e um homem civil, tendo ferido ainda uma mulher com gravidade e outro guarda que, entretanto, já teve alta hospitalar. Um terceiro militar da GNR ficou também ferido sem gravidade numa terceira troca de tiros em Candal.

A GNR montou um dispositivo com vários elementos espalhados pelas zonas mais próximas de Aguiar da Beira, distrito da Guarda, mas o suspeito continua a monte.

Ontem, domingo, Pedro Dias atacou a proprietária de uma casa em Moldes, Arouca. O suspeito terá estado escondido durante dias naquela habitação que não tem ninguém ao longo da semana. Contudo, ontem foi surpreendido pela dona, de 64 anos, que acabou por ser sequestrada.

Os gritos da mulher chamaram a atenção de um homem que estava junto a uma habitação vizinha e que, na tentativa de perceber o que se passava, acabou também ele por ser sequestrado.

As duas vítimas foram amordaçadas, vendadas e amarradas por Pedro Dias que depois roubou o carro do homem, uma carrinha Opel Astra branca, e fugiu, como revelou o major Cruz, da GNR.

Horas mais tarde, o duplo homicida foi visto na zona industrial de Vila Real. As autoridades tiveram um contacto “momentâneo e visual” com a viatura roubada, mas acabaram por perder-lhe o rasto, explicou o mesmo responsável.

Mais uma vez, Pedro Dias, que terá treino militar adquirido na África do Sul, conseguiu escapar às autoridades e encontra-se novamente em fuga.

De salientar que as autoridades espanholas também estão em alerta, tendo sido noticiado pela imprensa do país vizinho que o suspeito estaria em Salamanca. No entanto, esta informação não chegou a ser confirmada oficialmente.

NM

VEJA AINDA:

ÉVORA: SOBE PARA QUATRO TOTAL DE MORTES NO SURTO LIGADO À MISERICÓRDIA DE VILA VIÇOSA

Lusa

FARO: LIGAÇÃO FLUVIAL LUSO-ESPANHOLA PELO GUADIANA INTERROMPIDA

Lusa

COVID-19: REGIÃO NORTE PODERÁ ATINGIR OS SETE MIL CASOS DIÁRIOS NOS PRÓXIMOS DIAS

Lusa

MATOSINHOS: CENTROS COMERCIAIS VÃO ENCERRAR ÀS 21 HORAS

Lusa

FUNDÃO: LAR DA SANTA CASA DA MISERICÓRDIA COM 40 INFETADOS DE COVID-19

Lusa

PORTO: AVENIDA DA FOZ CORTADA ESTA QUARTA-FEIRA DEVIDO À AGITAÇÃO MARÍTIMA

Lusa