RÁDIO REGIONAL
DESPORTO

PORTO VENCE O AVES (1-0) PELOS SERVIÇOS MÍNIMOS (VÍDEO)

nbsp| RÁDIO REGIONAL

O FC Porto venceu hoje na receção ao lanterna-vermelha Desportivo das Aves, por 1-0, em jogo da 10.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol, e repôs em dois pontos a desvantagem para o líder e campeão Benfica.

O defesa central espanhol Marcano marcou o único golo do encontro, aos 13 minutos, que permitiu aos ‘azuis e brancos’ voltar às vitórias, depois do empate no terreno do Marítimo (1-1), e isolar-se provisoriamente no segundo lugar, com 25 pontos, mais três do que o Famalicão, que hoje visita o Sporting de Braga.

Depois da oitava derrota consecutiva no campeonato, o Desportivo das Aves permanece no 18.º e último lugar, com três pontos.


A CRÓNICA DO JOGO POR BRUNO MARQUES: 

O Estádio do Dragão foi o palco da receção do FC Porto ao Desportivo das Aves referente à décima jornada da Primeira Liga, os portistas empataram na jornada anterior na Madeira frente ao Marítimo a uma bola, ocupam o segundo lugar na classificação, por outro lado o Desportivo das Aves perdeu na jornada anterior no Estádio do Jamor frente ao Belenenses SAD por 3-2, o Aves não vence há oito jornadas consecutivas e é o lanterna vermelha do campeonato.

FC Porto: Marchesín, Wilson Manafá, Pepe, Iván Marcano, Chancel Mbemba, Danilo Pereira, Bruno Costa, Otávio, Corona, Luis Díaz, Soares. Suplentes: Diogo Costa, Alex Telles, Loum, Matheus Uribe, Nakajima, Zé Luís, Fábio Silva. Treinador: Sérgio Conceição.

CD Aves: Aflalo, Afonso Figueiredo, Falcão, Adi Mehremic, Mato Milos, Ruben Oliveira, Luiz Fernando, Estrela, Welinton Júnior, Mohammadi, Kevin Yamga. Suplentes: Beunardeau, Bruninho, Bruno Jesus, Enzo Zidane, Kahraba, Ricardo Rodrigues, Peu. Treinador: Leandro Pires.

Arbritagem: Hélder Malheiro (AF Lisboa).

O FC Porto iniciou o jogo com posse de bola e logo na primeira jogada teve uma soberana oportunidade para marcar por parte de Chancel Mbemba, no seguimento de um livre a meio do meio campo ofensivo do FC Porto Pepe combinou com Otávio no flanco direito, o médio portista junto à linha de fundo cruzou e Mbemba solto de marcação cabeceou ao lado da baliza de Aflalo.

O conjunto Avense apresentou-se nestes minutos iniciais com as suas linhas recuadas o que dificultou a criação de oportunidades ao FC Porto, quando conseguiu sair do seu meio campo em transição, o último passe não estava a ser eficaz.

À passagem do minuto nove o público do Dragão, cerca de 30 mil, homenageou Fernando Gomes o “bibota” que passa por uma fase de saúde delicada, numa das claques do FC Porto podia-se ler “Juntos na luta Bibota 9”.

Aos treze minutos os portistas inauguraram o marcador por intermédio de Iván Marcano (que foi eleito o homem do jogo) o central espanhol vindo de trás, rematou cruzado com o pé esquerdo de primeira após ter recebido um cruzamento de Otávio no corredor direito com a bola ainda a embater no poste antes de entrar.

Ao minuto trinta e dois os azuis e brancos tiveram nova oportunidade para ampliarem a vantagem, a jogada começou com Bruno Costa à saída da sua defesa a soltar a bola para Mbemba, o Congolês passou para Otávio na zona central do terreno que de imediato desmarcou Luis Díaz no corredor esquerdo que tirou um adversário do seu caminho e desferiu um potente remate para grande intervenção de Aflalo.

Uma primeira parte onde o FC Porto dominou em termos de posse de bola 70%-30% mas apenas fizeram cinco remates com apenas dois deles a irem na direção da baliza, os portistas foram pouco agressivos, houve lentidão nos seus processos ofensivos, em relação ao conjunto do Desportivo das Aves os seus três remates fora da grande área na primeira parte não assustaram Marchesín, a equipa jogou de forma recuada e das poucas vezes que subiram no terreno, nomeadamente através de bolas paradas nunca conseguiram criar perigo.

Na entrada para o segundo tempo na primeira dezena de minutos o Desportivo das Aves teve dois livres a seu favor, aos quarenta e sete minutos Mohammadi em zona frontal rematou por cima da baliza, ao minuto cinquenta e três o mesmo jogador cruzou para a grande área mas Marchesín com os punhos afastou a bola.

Sérgio Conceição fez uma dupla alteração aos cinquenta e seis minutos, Mbemba e Luis Díaz saíram para darem lugar a Alex Telles e Zé Luís respetivamente.

Aos sessenta e cinco minutos o FC Porto esteve muito perto do segundo golo, canto batido por Alex Telles no lado direito para a grande área e Pepe mais alto que toda a defesa cabeceou para uma grande defesa de Aflalo com a bola ainda caprichosamente a tocar na trave antes de sair.

Mais uma oportunidade para o FC Porto ao minuto setenta e um Corona através de um pontapé livre junto à bandeirola de canto do lado esquerdo do ataque, Corona cruzou para a área onde apareceu Soares a cabecear por cima da baliza de Aflalo.

Leandro Pires fez a sua primeira alteração no seu “onze” aos setenta e três minutos Kahraba entrou para substituir Mohammadi, os portistas tentaram chegar ao segundo golo para tranquilizar, já o CD Aves continuou com a mesma tendência da primeira parte, ou seja, não criarem perigo apesar da equipa ter conseguido rematar mais vezes.

Dupla oportunidade para o FC Porto, ao minuto setenta e seis Soares rematou junto à grande área para o corte de Falcão pela linha de fundo, no seguimento Alex Telles a partir do canto cobrado no lado direito cruzou para a área com Iván Marcano a cabecear ao lado do poste direito da baliza de Aflalo.

Os dois treinadores esgotaram as suas alterações, Sérgio Conceição fez entrar Matheus Uribe para o lugar de Otávio enquanto que Leandro Pires colocou em campo Ricardo Rodrigues e Enzo Zidane em detrimento de Yamga e Luiz Fernando.

Final da partida no Dragão, após quatro minutos de tempo extra,  o FC Porto venceu o CD Aves pela margem mínima (1-0) valeu o golo de Iván Marcano a dar os três pontos ao FC Porto que assim mantém-se no segundo lugar com vinte e cinco pontos, a dois do líder SL Benfica.


VEJA AQUI O RESUMO DO JOGO:

VEJA AINDA:

DIRETO: FC VIZELA X SL BENFICA (18:00)

Rádio Regional

SPORTING DE BRAGA VENCE E APROXIMA-SE DO PRIMEIRO LUGAR DO GRUPO F DA LIGA EUROPA

Lusa

BENFICA SOFRE PRIMEIRA DERROTA NA ‘CHAMPIONS’ AO SER GOLEADO PELO BAYERN DE MUNIQUE

Lusa

FC PORTO BATE AC MILAN E ESTREIA-SE A VENCER NA LIGA DOS CAMPEÕES

Lusa

SPORTING ESTREIA-SE A VENCER NA LIGA DOS CAMPEÕES NO ESTÁDIO DO BESIKTAS

Lusa

JORGE JESUS: ‘UM BENFICA PERFEITO PODE DISCUTIR O JOGO COM O BAYERN’

Lusa