Ligue-se a nós

DESPORTO

PRIMEIRA LIGA: BENFICA REGISTOU QUASE 1 MILHÃO DE ESPETADORES NA LUZ

O Benfica lidera o ranking de espetadores com quase um milhão de pessoas nos jogos da I Liga de futebol disputados no Estádio da Luz, o que representa uma taxa de ocupação média superior a 87%.

Online há

em

O Benfica lidera o ranking de espetadores com quase um milhão de pessoas nos jogos da I Liga de futebol disputados no Estádio da Luz, o que representa uma taxa de ocupação média superior a 87%.

Segundo dados da Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP), 956.219 pessoas estiveram nos 17 jogos disputados em casa pelos ‘encarnados’, com uma média de 56.248 por partida e taxa de ocupação média (número pessoas presentes em relação à capacidade do estádio) de 87,53%. O Estádio da Luz é o maior em Portugal, com capacidade oficial de 64.642 lugares.

Já o Sporting, que conquistou o título, surge no segundo posto desta tabela, com 681.727 espetadores, uma média de 40.102, o que representa uma ocupação média de 79,97%, num recinto com capacidade para cerca de 50 mil espetadores.

Quanto ao FC Porto, está em terceiro na lista do acumulado de época, com 644.503 – 37.912 de média por jogo -, com 75,77% de taxa de ocupação média do Estádio do Dragão.

Em relação aos dados no final da primeira volta, Benfica e FC Porto baixaram ligeiramente o registo de adeptos, ao contrário do Sporting, que subiu, não sendo alheio o facto de ter liderado a prova a caminho do 20.º título de campeão nacional.

Depois dos três ‘grandes’, surgem Vitória de Guimarães, Sporting de Braga e Boavista como os clubes com mais adeptos nos estádios, com 295.592, 262.566 e 180.658, respetivamente.

No lado contrário da lista, estão Arouca e Portimonense, com apenas 33.067 e 39.893 espetadores nos 17 jogos disputados em casa, respetivamente. Já o Casa Pia, que joga em Rio Maior os seus jogos em casa, está em 15.º no ranking total, com 45.173, um média de 2.657 por partida.

No total, os estádios que receberam os 306 jogos da I Liga acolheram 3.707.290 espetadores.

Já em relação à taxa de ocupação média, Casa Pia, Desportivo de Chaves e Boavista são os que apresentam pior registo, com 38,06%, 38,33% e 38.83%, respetivamente, ou seja, pouco mais de um terço da capacidade dos respetivos recintos de média por jogo.

Quanto às jornadas, a quarta foi a que registou mais adeptos nos estádios, com um total de 147.892, numa ronda em que FC Porto e Benfica jogaram em casa e o Sporting de Braga recebeu o Sporting.

Seguem-se a 15.ª ronda, com 146.236, e a segunda jornada, com 145.812, ambas com ‘águias’ e ‘dragões’ a jogarem no seu recinto.

Em relação a jogos, o clássico da sétima jornada entre Benfica e FC Porto foi o jogo com mais assistência na época, com 62.247 adeptos, seguindo-se a receção dos ‘encarnados’ aos ‘leões’, da 11.ª ronda, com 62.166.

O Benfica domina também este ranking, com 14 jogos dos seus 17 jogos em casa com o melhor registo, sendo o primeiro que não é dos ‘encarnados’ a receção do Sporting ao Portimonense, que contou com 49.557 espetadores, na 32.ª jornada, quando os ‘leões’ já estavam muito perto de assegurar título.

O jogo do FC Porto com mais assistência foi a receção ao Benfica, na 24.ª jornada, com 49.013 adeptos no Estádio da Dragão, mas que no total é apenas a 18.ª melhor assistência da temporada.

DESPORTO

BOAVISTA FC: RAPHAEL ROSSI E OUTROS ATLETAS REQUERERAM A INSOLVÊNCIA DA SAD

O Boavista FC (SAD) continua a ser alvo de processos de penhora e pedidos de insolvência por parte de credores. Entre fornecedores a funcionários, atletas e treinadores a sangria de processos resultantes de um PER em incumprimento amontoam-se nos tribunais.

Online há

em

O Boavista FC (SAD) continua a ser alvo de processos de penhora e pedidos de insolvência por parte de credores. Entre fornecedores a funcionários, atletas e treinadores a sangria de processos resultantes de um PER em incumprimento amontoam-se nos tribunais.

Dia 12 de junho, em período do BFC (SAD) fazer prova da inexistência de dívidas a funcionários (incluindo atletas e treinadores) eis que Raphael Rossi e outros nove credores (entre os quais atletas e gestora de Carreiras Desportivas) avançam para o tribunal a exigir a “Insolvência de Pessoa Coletiva”.

Entre os credores deste novo pedido de insolvência encontramos Khadim Faye, Ali El Omari , Bruno Miguel Moreira de Sousa, Pedro Miguel Castro Brandão Costa, Arturo Daniel Monllor, Foot Expansion – Gestão de Carreiras Desportivas entre outros credores.

Em causa estão dívidas reconhecidas que a SAD não pagou, entre as quais objeto de um PER agora em incumprimento. Só nos últimos meses o BFC foi alvo de mais de uma dúzia de “Pedidos de Insolvência”.

A Rádio Regional sabe ainda que, pelo menos formalmente, o BFC (SAD) continuava no passado dia 21 de junho em incumprimento com o Estado (Autoridade Tributária e/ou Segurança Social). Ainda ontem 24 de junho o BFC (SAD) figurava na “listra negra” dos maiores devedores de impostos.

A inexistência de dívidas a funcionários (atletas e/ou treinadores) e a situação regularizada junto da Segurança Social e Autoridade Tributária são critérios essenciais para a Liga admitir a inscrição do clube axadrezado nas competições profissionais.

Também junto da FIFA o Boavista continua a ser alvo de 32 registos de bloqueios entre os quais nove bloqueios ativos que impedem o BFC registar qualquer atleta, ou seja, pode comprar/vender jogadores mas não os poderá registar e consequentemente não os poderá utilizar em campo.


A INVESTIGAÇÃO JORNALÍSTICA – VEJA AINDA:

BOAVISTA FC: O DOCUMENTO FALSO QUE A LIGA “NÃO VIU”

BOAVISTA FC: VITÓRIA AVISA “TEM QUE HAVER JUSTIÇA E IGUALDADE”

BOAVISTA FC: O CLUBE PORTUGUÊS “CAMPEÃO” DA “LISTA NEGRA” DA FIFA

BOAVISTA FC: JUSTIÇA E TRANSPARÊNCIA “A LIGA NÃO PODE IGNORAR”

BOAVISTA FC: JAIME PACHECO E OUTROS TRABALHADORES PENHORAM A “PANTERA”

BOAVISTA FC NA LISTAGEM DOS MAIORES DEVEDORES DE IMPOSTOS

BOAVISTA FC: DEPOIS DO “CONTROLO SALARIAL” UM NOVO PEDIDO DE INSOLVÊNCIA

BOAVISTA EM INCUMPRIMENTO ARRISCA INSOLVÊNCIA E EXCLUSÃO DA LIGA


Vítor Fernandes

LER MAIS

DESPORTO

FÓRMULA 1: MAX VERSTAPPEN VENCE GP DE ESPANHA E CONSOLIDA LIDERANÇA

O piloto neerlandês Max Verstappen (Red Bull) venceu hoje o Grande Prémio de Espanha de Fórmula 1, 10.ª ronda do Mundial, e ampliou a liderança do Campeonato do Mundo.

Online há

em

O piloto neerlandês Max Verstappen (Red Bull) venceu hoje o Grande Prémio de Espanha de Fórmula 1, 10.ª ronda do Mundial, e ampliou a liderança do Campeonato do Mundo.

Verstappen, que partiu do segundo lugar da grelha, deixou o britânico Lando Norris (McLaren) na segunda posição, a 2,219 segundos, com Lewis Hamilton (Mercedes) em terceiro, a 17,790.

Com estes resultados, o neerlandês da Red Bull mantém a liderança do Mundial de pilotos, com 219 pontos, 71 de vantagem sobre o segundo classificado, que agora é Lando Norris.

LER MAIS
Subscrever Canal WhatsApp
RÁDIO ONLINE
ASSOCIAÇÃO SALVADOR, HÁ 20 ANOS A TIRAR SONHOS DO PAPEL

LINHA CANCRO
DESPORTO DIRETO

RÁDIO REGIONAL NACIONAL: SD | HD



RÁDIO REGIONAL VILA REAL


RÁDIO REGIONAL CHAVES


RÁDIO REGIONAL BRAGANÇA


RÁDIO REGIONAL MIRANDELA


MUSICBOX

WEBRADIO 100% PORTUGAL


WEBRADIO 100% POPULAR


WEBRADIO 100% LOVE SONGS


WEBRADIO 100% BRASIL


WEBRADIO 100% OLDIES


WEBRADIO 100% ROCK


WEBRADIO 100% DANCE


WEBRADIO 100% INSPIRATION

KEYWORDS

FABIO NEURAL @ ENCODING


NARCÓTICOS ANÓNIMOS
PAGAMENTO PONTUAL


MAIS LIDAS