RÁDIO REGIONAL
REGIÕES

PSP DETÉM TRÊS SUSPEITOS DE TRÁFICO DE DROGA E OUTROS CRIMES EM PONTA DELGADA

nbsp| RÁDIO REGIONAL

A Polícia de Segurança Pública (PSP) deteve em Ponta Delgada três pessoas suspeitas de tráfico de estupefacientes, branqueamento de capitais, furto qualificado e condução sem habilitação, e apreendeu 1.350 doses de haxixe e 30 de liamba, foi hoje anunciado.

As detenções resultaram de uma investigação da Esquadra de Investigação Criminal da Divisão Policial de Ponta Delgada, que permitiu “reunir vários elementos probatórios e fortes indícios” para referenciar os detidos em relação àqueles crimes, avançou a polícia em comunicado.

De acordo com a PSP, os indícios recolhidos apontam um dos arguidos como o presumível autor de quatro furtos qualificados no interior de residências particulares, ocorridos em diferentes locais do concelho de Ponta Delgada, bem como a sua dedicação, “em comunhão de esforços com outro arguido, ao tráfico de estupefacientes”.

“Tais suspeitas, totalmente sustentadas aquando da realização de duas operações policiais distintas, permitiram a detenção de ambos os arguidos e a apreensão de 1.354 doses de haxixe, 30 doses de liamba, 13.810 euros e duas viaturas”, lê-se no documento.

Segundo a polícia, foram também recolhidos “elementos probatórios consistentes que implicam o principal arguido do processo na prática de dois crimes de branqueamento de capitais, em coautoria com outros dois suspeitos”.

O principal visado na investigação vai ficar em prisão preventiva a aguardar julgamento, “tratando-se de um arguido já reincidente na prática de vários crimes contra o património”, avança a polícia.

O Comando Regional dos Açores sublinha que a prevenção e o combate ao tráfico de estupefacientes e a criminalidade associada continuarão a ocupar um plano privilegiado na ação estratégica da sua intervenção.

VEJA AINDA:

AUMENTO DA PORNOGRAFIA DE MENORES FEZ DISPARAR INQUÉRITOS SOBRE CRIMES SEXUAIS

Lusa

COIMBRA: QUEIMA DAS FITAS ARRANCA COM ‘ALGUMAS LIMITAÇÕES’

Lusa

CIDADÃOS POR COIMBRA DIZ QUE LOCALIZAÇÃO DA NOVA MATERNIDADE É ‘DECISÃO ERRADA’

Lusa

GUARDA: JUDICIÁRIA DETÉM SETE SUSPEITOS DE TRÁFICO DE ESTUPEFACIENTES

Lusa

OVAR: FESTEJOS DE CARNAVAL REGRESSAM EM 2022 – AUTARQUIA

Lusa

PENAFIEL: INVESTIMENTO DE UM MILHÃO DE EUROS NO SERVIÇO DE PNEUMOLOGIA DO HOSPITAL

Lusa