DESPORTO

RAMPA DE MURÇA: JOAQUIM TEIXEIRA QUER VENCER

A simpática vila de Murça, palco de alguns dos melhores momentos das provas de Montanha em Portugal, recebe no próximo fim-de-semana a sexta jornada do Campeonato Nacional de Montanha (CNM) Valvoline 2017.

Esta é uma altura em que a competição se aproxima de uma fase de extrema importância, e a Rampa Porca de Murça vai certamente ajudar a definir algumas decisões no que à luta pelos títulos diz respeito.

Numa temporada em que as coisas lhe têm corrido de feição, Joaquim Teixeira chega à prova disputada na sua terra com o título da Categoria 5 já garantido, apostando agora o piloto transmontano do Renault Megane Trophy V6, em tentar chegar ao ceptro entre os carros de turismo, campeonato onde ocupa actualmente a segunda posição a seis pontos do líder.

“Vou para Murça com vontade de surpreender e conseguir, tal como consegui no ano passado, um lugar logo a seguir às ‘barquettas’ e com isso triunfar entre os turismos. Penso que tenho boas hipóteses de conseguir atingir os meus objectivos para esta prova e se o Megane colaborar, quero festejar a vitória no Domingo.

Na Categoria 5 já está tudo arrumado e por isso ambiciono agora um pouco mais alto, sabendo que não será fácil lutar contra adversários valorosos e com boas máquinas. Costumo dar-me bem nesta prova, que conheço naturalmente muito bem e na qual estou sempre com a máxima motivação”, adiantou Joaquim Teixeira.

Programa/Horário da Rampa Porca de Murça 2017

29.7.2017 – Sábado:
14H30 – Fecho da pista
15H00 – 1ª Subida de Treinos
16H00 – 2ª Subida de Treinos
18H30 – 1ª Subida Oficial

30.7.2017 – Domingo:
10H15 – Fecho da pista
11H30 – ‘Warm Up’
14H00 – 2ª Subida Oficial
15H15 – 3ª Subida Oficial

VEJA AINDA:

ALFÂNDEGA DA FÉ: NÃO HÁ REGISTO DE NOVOS CASOS COVID-19 NAS ESCOLAS

Lusa

VILA VIÇOSA: 14 INFETADOS COM COVID-19 NOS SERVIÇOS DA MISERICÓRDIA

Lusa

AVEIRO: 13 ANOS DE PRISÃO PARA HOMEM QUE MATOU A MÃE

Lusa

AÇORES: SITUAÇÃO DE CALAMIDADE PROLONGADA ATÉ 23 DE OUTUBRO

Lusa

MONTIJO: INCÊNDIO NUMA EMPRESA CAUSA DOIS FERIDOS

Lusa

ALVAIÁZERE: SETE UTENTES E DOIS FUNCIONÁRIOS DE LAR INFETADOS COM COVID-19

Vítor Fernandes