Connect with us

REGIÕES

TAXISTAS CAMINHAM PARA O SÉTIMO DIA DE PROTESTO

As entidades representativas dos táxis reuniram-se esta segunda-feira com um assessor do primeiro-ministro, no sentido de travar a lei que regulamenta as plataformas eletrónicas de transporte, mas, após aquilo que consideram ser uma “manobra de diversão”, mantêm protestos em Lisboa, Porto e Faro.

Datas:

em

As entidades representativas dos táxis reuniram-se esta segunda-feira com um assessor do primeiro-ministro, no sentido de travar a lei que regulamenta as plataformas eletrónicas de transporte, mas, após aquilo que consideram ser uma “manobra de diversão”, mantêm protestos em Lisboa, Porto e Faro.

pós uma reunião hoje à tarde com um assessor de António Costa para a área económica, Carlos Ramos, da Federação Portuguesa do Táxi (FPT), considerou tratar-se de “uma manobra de diversão”, mantendo-se o protesto previsto para quarta-feira junto à Assembleia da República, em Lisboa.

“Entrei com as mãos vazias e, agora, vim com elas ainda mais abertas, por conseguinte não trouxemos nada”, disse, por seu lado, Florêncio Almeida, presidente da Associação Nacional dos Transportadores Rodoviários em Automóveis Ligeiros (ANTRAL).

Os taxistas, ao sexto dia de protesto contra a lei que regula as plataformas eletrónicas de transporte em veículos descaracterizados – Uber, Taxify, Cabify e Chauffeur Privé –, desfilaram a pé até à Praça do Comércio, para uma vigília em frente ao gabinete provisório do primeiro-ministro, mas decidiram regressar à Praça dos Restauradores.

As associações revelaram que António Costa enviou uma carta a dizer que mantinha a confiança no ministro João Matos Fernandes, que tutela os transportes, mas os profissionais do setor do táxi “não têm confiança nenhuma no senhor ministro, nem no secretário de Estado” do Ambiente, reiterou o presidente da FPT.

“Espero que os partidos com assento parlamentar tenham a coragem de enfrentar o senhor primeiro-ministro e encontrar eles próprios esta solução, que é meter na lei [a ideia de] transferir para as autarquias a competência de fixar os contingentes e as regras do jogo”, avançou Carlos Ramos.

No início do protesto, no dia 19, os taxistas reclamavam a fiscalização sucessiva, pelo Tribunal Constitucional, da lei que regula as plataformas eletrónicas, que entra em vigor a 1 de novembro, após ter sido promulgada a 31 de julho pelo Presidente da República, mas a exigência não foi acolhida pelos grupos parlamentares.

Enquanto em Lisboa algumas centenas de táxis permanecem parados na via ‘bus’ entre a Avenida da República e a Avenida da Liberdade, no Porto os manifestantes também garantiram que irão permanecer na avenida dos Aliados.

“Foi uma reunião cheia de coisa nenhum. Criou alguma desilusão aos representantes associativos que lá estiveram. Neste contexto, a luta é para continuar”, anunciou José Monteiro, vice-presidente da ANTRAL, após o encontro com o assessor de António Costa.

Duas centenas taxistas permaneceram hoje, sob elevadas temperaturas, junto aos carros que ocupam duas faixas de rodagem da Estrada Nacional 125/10, perto da rotunda junto ao aeroporto de Faro.

Em declarações à Lusa, Francisco José Pereira, presidente da Rotáxis de Faro, disse que os profissionais estão “insatisfeitos e frustrados”, mas assegurou que vão “com certeza” manter-se em protesto até quarta-feira, dia do debate quinzenal com o primeiro-ministro no parlamento.

O PCP pediu na sexta-feira a revogação da lei que regulamenta as plataformas eletrónicas de transporte de passageiros e as associações de taxistas foram recebidas no sábado pelo chefe da Casa Civil da Presidência da República, mas decidiram manter o protesto.

A PSP disse hoje que está preparada e com capacidade de resposta, “independentemente do tempo que durar” o protesto dos taxistas.

Em declarações à agência Lusa, o intendente Alexandre Coimbra, da Direção Nacional da PSP, acrescentou que a polícia está a acompanhar o protesto desde o seu início, “vinte e quatro horas por dia”, salientando que, até ao momento, não há registo de qualquer incidente em Lisboa, Porto ou Faro.

Segundo o diretor de relações públicas, a PSP “tem tudo preparado” para fazer face a estas ações, nomeadamente “o policiamento adequado para a próxima quarta-feira”.

LUSA

PUBLICIDADE
OUVIR A RÁDIO REGIONAL AQUI
CLIQUE PARA COMENTAR

DEIXE O SEU COMANTÁRIO

O seu endereço de email não será publicado.

PUBLICIDADE MUSICBOX

OUVIR RÁDIO

OUVIR MÚSICA

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

REGIÕESPublicado há 23 horas

FURACÃO LESLIE: ALUNOS NA FIGUEIRA DA FOZ SEM AULAS

O vereador da Educação da Figueira da Foz, Nuno Gonçalves, disse hoje à agência Lusa que na segunda-feira não haverá...

SOCIEDADEPublicado há 1 dia

FURACÃO LESLIE “DESLIGA” 50 MIL CLIENTES MEO

A Altice Portugal disse hoje que cerca de 50 mil clientes da rede fixa estão com serviços afetados, na sequência...

REGIÕESPublicado há 1 dia

FURACÃO LESLIE DERRUBA ESTAÇÃO EMISSORA DE RÁDIO

Também a comunicação social foi vítima do Furacão Leslie. Na Região Centro a tempestade derrubou a estação emissora da Rádio...

REGIÕESPublicado há 1 dia

FURACÃO LESLIE TROUXE A MAIOR RAJADA DE VENTO DA HISTÓRIA

Uma rajada de vento atingiu os cerca de 176 quilómetros por hora no sábado à noite na Figueira da Foz,...

SOCIEDADEPublicado há 1 dia

GOVERNO DIZ QUE “NÃO HÁ” PROVAS DE FALHAS DO SIRESP

A notícia é do Jornal Público, mas não pode deixar de ser publicada. O Governo "diz" que afinal não há...

ECONOMIA & FINANÇASPublicado há 3 dias

MOODY’S TIRA PORTUGAL DO “LIXO” FINANCEIRO

A agência de notação financeira Moody's subiu hoje o 'rating' de Portugal para 'Baa3', com perspetiva estável, retirando o país...

ECONOMIA & FINANÇASPublicado há 3 dias

HORAS EXTRA VÃO DESCONTAR MENOS PARA O IRS

Os rendimentos com horas extra poderão vir a beneficiar de uma taxa de retenção na fonte de IRS menor no...

INTERNACIONALPublicado há 3 dias

HACKERS ACEDERAM A 29 MILHÕES DE CONTAS DO FACEBOOK

Uma falha de segurança descoberta em setembro na maior rede social do mundo permitiu a piratas informáticos terem acesso a...

POLÍTICAPublicado há 3 dias

PROFESSORES AMEAÇAM COM GREVE ATÉ … AGOSTO DE 2019

Os professores prolongarão até agosto de 2019 a greve prevista para entre 15 de outubro e 31 de dezembro deste...

REGIÕESPublicado há 3 dias

NOVO HOSPITAL PRIVADO EM VILA REAL CRIOU 500 EMPREGOS

O hospital privado da Trofa que abre segunda-feira em Vila Real representa um investimento de 50 milhões de euros e...

PUBLICIDADE LINHA CANCRO

AS MAIS LIDAS