RÁDIO REGIONAL
NACIONAL

TDT É TOP RECLAMAÇÕES

TDT É TOP RECLAMAÇÕESnbsp| RÁDIO REGIONAL

A má qualidade de recepção da Televisão Digital Terrestre (TDT) continua a motivar queixas junto da Autoridade Nacional de Comunicações (Anacom). De acordo com o relatório de regulação e supervisão desta entidade relativo ao ano passado, foram recepcionadas 522 reclamações relativas à TDT, menos 43,5% face ao ano anterior. Destas, 92,1% relacionaram-se com “dificuldades na recepção do serviço”, avança o documento do regulador. As queixas continuam também a chegar à Deco – Associação para a Defesa do Consumidor.

Em 2015, este organismo recebeu um total de 560 queixas, revelou fonte oficial ao CM. Ainda assim, menos 820 do que no ano anterior. No primeiro trimestre deste ano, foram recepcionadas 42 reclamações. Desde o início do apagão analógico, em 2012, a Deco já recebeu mais de 10 mil queixas relativas à TDT. Estas reclamações foram enviadas para a Portugal Telecom, responsável pela gestão da rede. A associação deu ainda conhecimento destas situações ao regulador das telecomunicações. A qualidade do sinal e as interrupções da emissão foram os principais motivos de queixa junto da Deco.

Recorde-se que a Anacom tem monitorizado a qualidade das transmissões através da TDT com mais de 300 sondas espalhadas pelo País, num investimento superior a 40 mil euros. De acordo com o seu relatório, a Anacom registou em 2015, no total, 66 657 reclamações sobre serviços de comunicações, menos 14,9% do que em 2014.

VEJA AINDA:

LONDRES RECOMENDA AOS BRITÂNICOS QUE PASSEM FÉRIAS EM PORTUGAL EM VEZ DA FRANÇA

Lusa

GUERRA: PORTUGAL JÁ ENVIOU 315 TONELADAS DE MATERIAL MILITAR PARA A UCRÂNIA

Lusa

ESPERADOS MAIS EMIGRANTES EM PORTUGAL NO VERÃO APÓS DOIS ANOS DE RESTRIÇÕES

Lusa

COVID-19: PORTUGAL COM 65.364 CASOS E 123 MORTES ENTRE 28 DE JUNHO E 4 DE JULHO

Lusa

ANACOM DEFENDE QUE TDT CHEGUE POR CABO GRATUITAMENTE A TODOS

Lusa

UCRÂNIA: PORTUGAL VAI RECONSTRUIR ESCOLAS NA REGIÃO DE JITOMIR

Lusa