RÁDIO REGIONAL
REGIÕES

VILA POUCA DE AGUIAR: GNR IDENTIFICOU SUSPEITO DE ESTAR NA ORIGEM DE INCÊNDIO

nbsp| RÁDIO REGIONAL

Um homem de cerca de 50 anos foi constituído arguido pela suspeita de realização de trabalhos em área florestal que poderão estar na origem do incêndio que lavra em Vila Pouca de Aguiar, disse hoje fonte da GNR.

Fonte do comando distrital de Vila Real da GNR disse à agência Lusa que o suspeito é um homem na casa dos 50 anos, funcionário de uma empresa que procedia a trabalhos na área de floresta onde, na quarta-feira, deflagrou o fogo que atinge o concelho do distrito de Vila Real.

A GNR disse que após “diligências de investigação” se chegou ao indivíduo que foi constituído arguido.

Segundo o ‘site’ da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC), o fogo que teve origem na zona de Revel mobilizava, pelas 19:00, 474 operacionais, 144 viaturas e oito meios aéreos.

O alerta para o fogo foi dado às 17:14 de quarta-feira e, em pouco tempo, verificou-se uma grande mobilização de meios para esta ocorrência que teve uma progressão muito rápida em zona de pinhal.

VEJA AINDA:

VILA REAL: CHUVA E TROVOADA PROVOCA QUEDA DE ÁRVORES E INCÊNDIOS

Lusa

VILA FLOR: ESPAÇOS PÚBLICOS EQUIPADOS COM DESFIBRILHADORES E FORMAÇÃO

Lusa

INSÓLITO: DEPOIS DE ‘AMEAÇADOR E ABUSIVO’ AINDA PROMETE PROCESSAR A ERC

Lusa

SABROSA: ADEGA INSTALA PAINÉIS SOLARES PARA POUPAR CUSTOS NAS VINDIMAS

Lusa

MATOSINHOS: APA DESACONSELHA BANHOS EM CINCO PRAIAS DEVIDO A INCÊNDIO

Lusa

COVILHÃ: HELICÓPTERO DE COMBATE A INCÊNDIOS SOFRE ACIDENTE SEM VÍTIMAS

Lusa