Ligue-se a nós

DESPORTO

VITÓRIA FC: JULIO VELÁSQUEZ DEIXA O COMANDO TÉCNICO APÓS 7 MESES

O espanhol Julio Velázquez, que hoje deixou o comando do Vitória de Setúbal, é o terceiro treinador a ser rendido esta semana em equipas da I Liga portuguesa de futebol, após a realização da 29.ª jornada.

Online há

em

O espanhol Julio Velázquez, que hoje deixou o comando do Vitória de Setúbal, é o terceiro treinador a ser rendido esta semana em equipas da I Liga portuguesa de futebol, após a realização da 29.ª jornada.

A derrota em Guimarães (2-0), a terceira seguida dos sadinos na prova, ditou a saída de Velázquez, que tinha assumido o comando técnico da equipa em novembro do ano passado, na altura rendendo Albert Meyong, após a 11.ª jornada, que garantiu a transição entre treinadores no Vitória, após a saída de Sandro, à oitava ronda.

De resto, o antigo avançado camaronês voltará a ficar a cargo da equipa principal do Vitória de Setúbal, que ocupa o 16.º lugar da I Liga, a apenas três pontos de distância do 17.º e penúltimo, Portimonense.

Nos 18 jogos do campeonato em que dirigiu os vitorianos, Velázquez, que já tinha dirigido o Belenenses, alcançou quatro vitórias, seis empates e oito derrotas, sendo que nas últimas 11 partidas não colheu qualquer triunfo.

O espanhol protagonizou a 16.ª ‘chicotada’ da época, em 11 equipas, resistindo apenas Sérgio Conceição (FC Porto), Carlos Carvalhal (Rio Ave), João Pedro Sousa (Famalicão), Ivo Vieira (Vitória de Guimarães), João Henriques (Santa Clara), Vítor Oliveira (Gil Vicente) e Natxo González (Tondela).

Os últimos dias têm sido pródigos em saídas de treinadores na I Liga, uma vez que Custódio Castro e Bruno Lage também abandonaram esta semana o comando de Sporting de Braga e Benfica, e foram rendidos por Artur Jorge e Nélson Veríssimo, respetivamente.

Custódio Castro, de 37 anos, demitiu-se ao fim de seis jornadas à frente do Sporting de Braga, promovendo a quarta mudança de treinador nos minhotos. Depois de Ricardo Sá Pinto, despedido à 14.ª jornada, e Rúben Amorim, que rumou ao Sporting após a 23.ª, o ex-futebolista dos ‘arsenalistas’ foi o eleito de António Salvador.

O ex-médio tinha transitado da equipa B, o mesmo caminho que Bruno Lage, de 44, fez a época passada no Benfica, então para recuperar sete pontos de atraso para o FC Porto e levar os ‘encarnados’ à conquista do título.

Na presente edição da I Liga, Lage replicou 18 vitórias nos primeiros 19 jogos, mas, depois, entrou numa onda muito negativa, com apenas dois triunfos em 10 jogos, e foi ‘chicoteado’ na segunda-feira, após a derrota (2-0) no reduto do Marítimo.

Antes, a segunda volta apenas tinha feito ‘cair’ Silas, no Sporting, à 23.ª ronda, numa segunda mudança em Alvalade que acabou por provocar a terceira em Braga, onde os ‘leões’ foram ‘roubar’ Rúben Amorim, por 10 milhões de euros.

Na primeira volta, registaram-se 11 ‘chicotadas’, em 10 equipas, sendo que quatro conjuntos tiveram interinos a fazer a transição e dois treinadores foram despedidos de uma formação e encontraram emprego noutra.

A quarta jornada fez as primeiras ‘vítimas’, o holandês Marcel Keizer foi despedido do Sporting, Jorge Silas do Belenenses SAD e Filipe Rocha do Paços de Ferreira, cedendo o lugar ao interino Leonel Pontes, a Pedro Ribeiro e a Pepa, respetivamente.

Depois de duas rondas como interino, Leonel Pontes voltou aos sub-23 dos ‘leões’ e foi substituído por Silas, que, desta forma, só esteve duas rondas no desemprego.

Na ronda seguinte, a sétima, o lanterna-vermelha Desportivo das Aves, que já havia cumprido o embate da nona, ‘despachou’ Augusto Inácio e, na oitava, foi a vez de o Vitória de Setúbal utilizar o ‘chicote’ em Sandro Mendes.

Leandro Pires, no Desportivo das Aves, e o camaronês Albert Meyong Zé, no Vitória de Setúbal, foram interinos, até à 11.ª ronda, na qual também ‘caiu’ Nuno Manta Santos, no Marítimo, que transitou de imediato para a Vila das Aves, estreando-se na jornada 12.

Ainda se estrearam na mesma ronda José Gomes, nos insulares, e o espanhol Júlio Velázquez, nos sadinos.

As ‘chicotadas’ repousaram dois fins de semana, mas, à 14.ª jornada, e a exemplo da quarta, mudaram três: o Moreirense trocou Vítor Campelos por Ricardo Soares, no Boavista, saiu Lito Vidigal e entrou Daniel Ramos e, no Sporting de Braga, Ricardo Sá Pinto deu lugar a Rúben Amorim.

Na jornada 16, o Belenenses SAD tornou-se a primeira equipa a operar uma segunda mudança: Pedro Ribeiro, que tinha sucedido a Silas, foi substituído por Petit.

A acabar a primeira volta, deu-se a demissão de António Folha, que não resistiu aos maus resultados no Portimonense e foi substituído, interinamente, por Bruno Lopes, que, à 20.ª ronda cedeu o lugar a Paulo Sérgio.

DESPORTO

FUTEBOL: PORTUGAL DESCE AO OITAVO LUGAR NO RANKING DA FIFA

Portugal desceu do sexto para o oitavo lugar do ranking da FIFA, numa hierarquia liderada pela Argentina e na qual a Espanha, nova campeã europeia, ascendeu ao terceiro lugar, anunciou o organismo que rege o futebol mundial.

Online há

em

Portugal desceu do sexto para o oitavo lugar do ranking da FIFA, numa hierarquia liderada pela Argentina e na qual a Espanha, nova campeã europeia, ascendeu ao terceiro lugar, anunciou o organismo que rege o futebol mundial.

Afastado do Euro2024 nos quartos de final, após perder com a França no desempate por grandes penalidades, Portugal desceu duas posições e segue imediatamente atrás dos Países Baixos, que se mantiveram no sétimo lugar.

Na frente, mantém-se a campeã mundial Argentina, que no domingo venceu a Copa América, seguida da França, segunda, e da Espanha, que conquistou, também no domingo, o seu quarto título de campeã europeia e ascendeu ao pódio, subindo cinco posições no ranking.

A Inglaterra, finalista vencida no Euro2024, subiu do quinto para o quarto lugar, por troca com o Brasil, que desceu uma posição, à frente da Bélgica, sexta, depois de ter descido três lugares.

A Colômbia, que foi finalista da Copa América, subiu três posições e entrou no top 10, ocupando o nono lugar, à frente da Itália, que mantém o 10.º posto.

Entre as seleções treinadas por portugueses, os Emirados Árabes Unidos, comandados por Paulo Bento, mantiveram o 69.º, enquanto a seleção de Angola, liderada por por Pedro Gonçalves, subiu para 90.º posto.

A Guiné-Bissau, de Luís Boa Morte, ascendeu ao 114.º, e o Kuwait, orientado por Rui Bento, subiu a 136.º.

LER MAIS

DESPORTO

PRÉ-ÉPOCA: SPORTING EMPATA EM JOGO DE TREINO FRENTE AO UNION SAINT-GILLOISE

O Sporting empatou hoje 2-2 com os belgas do Union Saint-Gilloise, no primeiro jogo de preparação para a época 2024/25 do campeão português de futebol aberto ao público, no Estádio Algarve, em Faro.

Online há

em

O Sporting empatou hoje 2-2 com os belgas do Union Saint-Gilloise, no primeiro jogo de preparação para a época 2024/25 do campeão português de futebol aberto ao público, no Estádio Algarve, em Faro.

Rafael Nel, aos 45+1 minutos, deu vantagem aos comandados de Rúben Amorim, que voltariam a marcar, já na segunda parte, por Pedro Gonçalves, aos 54, antes de Sadiki e do canadiano Promise David, aos 73 e 88, empatarem para o vencedor da Taça da Bélgica e vice-campeão em 2023/24.

Os ‘leões’ sofreram hoje os primeiros golos da pré-temporada futebolística, no quarto jogo, depois da igualdade 0-0 com o Estoril Praia, da I Liga, e os triunfos, respetivamente, por 3-0 e 2-0 diante de Torreense e Portimonense, este último durante o dia de hoje.

O Sporting tem como primeiro jogo oficial da temporada o embate da Supertaça Cândido Oliveira, em 03 de agosto, em Aveiro, frente ao FC Porto, que bateu os ‘verde e brancos’ na final da última edição da Taça de Portugal.

A preparação da formação ‘leonina’ prossegue com jogos na terça-feira diante do Farense, à porta fechada, em Lagos, e do Sevilha, novamente no Estádio Algarve, antes de defrontar o Athletic Bilbau, no dia 27, no jogo do Troféu Cinco Violinos, que serve para apresentar o plantel aos adeptos, no Estádio José Alvalade, em Lisboa.

LER MAIS

MAIS LIDAS