Connect with us

DESPORTO

CHAVES ACREDITA NA VITÓRIA NA CASA DO BOAVISTA

O treinador do Desportivo de Chaves, Daniel Ramos, garantiu hoje que as exibições recentes e a confiança dos jogadores o levam a acreditar na vitória frente ao Boavista, na quinta jornada da I Liga portuguesa de futebol.

RÁDIO REGIONAL

Data:

em

O treinador do Desportivo de Chaves, Daniel Ramos, garantiu hoje que as exibições recentes e a confiança dos jogadores o levam a acreditar na vitória frente ao Boavista, na quinta jornada da I Liga portuguesa de futebol.

“Não só pelo empate no terreno do FC Porto (1-1), para a Taça da Liga, mas pelos últimos quatro jogos, temos essa confiança que estamos próximos de voltar a vencer no campeonato”, realçou na antevisão à partida que se realiza no Estádio do Bessa, na sexta-feira, às 20:30.

Sem vencer há duas partidas no escalão máximo do futebol português, o técnico do emblema de Trás-os-Montes quer “dificultar ao máximo” as características do adversário que considera ser “tradicionalmente forte” em casa e quer ver a sua equipa a explorar “os pontos fortes que tem demonstrado”.

“O Boavista é uma equipa muito determinada, que luta por cada bola durante os 90 minutos e procura um estilo de jogo tanto curto como longo, tendo ainda o contra-ataque como arma”, alertou Daniel Ramos.

O técnico dos ‘flavienses’ pretende ainda explorar “um Boavista intranquilo” pelos resultados, considerando que os dois clubes tiveram “um arranque difícil” na I Liga e que “serão os resultados a dar tranquilidade”.

O Desportivo de Chaves visita o Boavista depois do empate no terreno do FC Porto, para a Taça da Liga, resultado que deixou Daniel Ramos com “boas dores de cabeça”, pois ao lançar jogadores menos utilizados teve “um ganho de opções”.

“Esses jogadores disseram à equipa técnica e toda a estrutura que o plantel tem equilíbrio e soluções para andar sempre no limite”, sustentou.

Ainda sobre o empate no Estádio do Dragão, Daniel Ramos reagiu às críticas do treinador do FC Porto, Sérgio Conceição, quanto ao tempo útil de jogo, garantindo que este foi “superior à média nacional da temporada passada” e que a equipa médica dos ‘transmontanos’ apenas entrou em campo por duas ocasiões.

“São dados elucidativos e que nos dão razão quanto à tranquilidade que temos sobre as críticas que nos fizeram”, assegurou.

O Boavista, 12.º classificado com quatro pontos, recebe o Desportivo de Chaves, 14.º com três pontos, no Estádio do Bessa, no Porto, na sexta-feira, às 20:30, na quinta jornada da I Liga portuguesa de futebol.

LUSA









LINHA CANCRO
MUSIC BOX
WEB-SUMMIT

AS MAIS LIDAS