Connect with us

REGIÕES

EM MONCHIQUE ARDERAM 27 MIL HECTARES DE FLORESTA

O incêndio que deflagrou na sexta-feira em Monchique já destruiu perto de 27 mil hectares, segundo a última atualização disponibilizada pelo Sistema Europeu de Informação de Incêndios Florestais (EFFIS).

Datas:

em

O incêndio que deflagrou na sexta-feira em Monchique já destruiu perto de 27 mil hectares, segundo a última atualização disponibilizada pelo Sistema Europeu de Informação de Incêndios Florestais (EFFIS).

De acordo com os dados mais recentes, no incêndio que começou em Perna da Negra (Monchique) tinham ardido 26.957 hectares, mais de metade dos 41 mil que a área destruída na mesma região em 2003, nos concelhos de Monchique, Portimão, Aljezur e Lagos.

O fogo de Monchique (Algarve) já destruiu cinco vezes mais do que toda a área ardida este ano em todo o país, até 15 de julho (5.327 hectares).

O maior incêndio, em termos de área ardida, que este ano se tinha verificado até à semana passada em território nacional era o da Guarda onde, em fevereiro, arderam 86 hectares.

Segundo informações divulgadas hoje pela Proteção Civil, o perímetro do incêndio de Monchique já ultrapassa os 100 quilómetros.

A Proteção Civil atualizou também o número de feridos em 39, mantendo-se apenas um grave.

No ano passado, as chamas destruíram mais de 440 mil hectares, o pior ano de sempre em Portugal, segundo dados do Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF).

Quanto aos maiores incêndios em termos de área ardida, ocorridos no ano passado, no topo da lista aparece o que teve origem no dia 15 de outubro, em Seia/Sandomil, no distrito da Guarda, que destruiu 43.191 hectares.

Pelas 20:50, e de acordo com o ‘site’ da Autoridade Nacional da Proteção Civil (ANPC), combatiam as chamas em Monchique mais de mil operacionais, apoiados por cerca de 500 viaturas.

O incêndio está “globalmente estabilizado”, informou hoje, ao início da noite, a 2.ª comandante operacional nacional da Proteção Civil, Patrícia Gaspar.

O incêndio rural, combatido por mais de mil operacionais, deflagrou na sexta-feira à tarde em Monchique, no distrito de Faro, e atingiu também o concelho vizinho de Silves, depois de ter afetado, com menor impacto, os municípios de Portimão (no mesmo distrito) e de Odemira (distrito de Beja).

Na terça-feira, ao quinto dia de incêndio, as operações passaram a ter coordenação nacional, na dependência direta do comandante nacional da Proteção Civil, depois de terem estado sob a gestão do comando distrital.

LUSA

PUBLICIDADE
OUVIR A RÁDIO REGIONAL AQUI
CLIQUE PARA COMENTAR

DEIXE O SEU COMANTÁRIO

O seu endereço de email não será publicado.

PUBLICIDADE MUSICBOX

OUVIR RÁDIO

OUVIR MÚSICA

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

SOCIEDADEPublicado há 6 horas

FURACÃO LESLIE: IPMA CONFIRMA VENTOS DE 180 A 190 KM/H

A passagem da tempestade tropical Leslie nas zonas mais afetadas de Portugal terá causado ventos de 180 a 190 quilómetros/hora,...

REGIÕESPublicado há 7 horas

LISBOA: GREVE NO METRO SEM SERVIÇOS MÍNIMOS

O tribunal arbitral decidiu não decretar serviços mínimos para a circulação de composições durante a greve parcial que os trabalhadores...

REGIÕESPublicado há 9 horas

FURACÃO LESLIE: COLHEITA DE MILHO NO BAIXO MONDEGO EM RISCO

Cerca de 50% da colheita dos nove mil hectares de campos de milho no Baixo Mondego está em risco devido...

ECONOMIA & FINANÇASPublicado há 13 horas

VEM AI MAIS UM “IMPOSTO” CHAMADO: TAXA DE PROTEÇÃO CIVIL

O Governo pretende criar uma contribuição municipal de proteção civil a suportar pelos proprietários de prédios urbanos e rústicos, de...

REGIÕESPublicado há 1 dia

MACEDO DE CAVALEIROS REFORÇA APOIO AOS BOMBEIROS

A Câmara de Macedo de Cavaleiros vai reforçar em 35 mil o apoio financeiro aos bombeiros voluntários do concelho, prevendo...

REGIÕESPublicado há 1 dia

FURACÃO LESLIE: PREJUÍZOS DE 1,5 MILHÕES EM CONDEIXA-A-NOVA

A tempestade Leslie, que atingiu, sobretudo, a região Centro, provocou estragos superiores a 1,5 milhões de euros nos equipamentos municipais...

JUSTIÇAPublicado há 1 dia

JOÃO RENDEIRO CONDENADO A 5 ANOS DE PRISÃO

O antigo presidente Banco Privado Português (BPP) João Rendeiro foi hoje condenado a cinco anos de prisão com pena suspensa...

REGIÕESPublicado há 2 dias

FURACÃO LESLIE: ALUNOS NA FIGUEIRA DA FOZ SEM AULAS

O vereador da Educação da Figueira da Foz, Nuno Gonçalves, disse hoje à agência Lusa que na segunda-feira não haverá...

SOCIEDADEPublicado há 2 dias

FURACÃO LESLIE “DESLIGA” 50 MIL CLIENTES MEO

A Altice Portugal disse hoje que cerca de 50 mil clientes da rede fixa estão com serviços afetados, na sequência...

REGIÕESPublicado há 2 dias

FURACÃO LESLIE DERRUBA ESTAÇÃO EMISSORA DE RÁDIO

Também a comunicação social foi vítima do Furacão Leslie. Na Região Centro a tempestade derrubou a estação emissora da Rádio...

PUBLICIDADE LINHA CANCRO

AS MAIS LIDAS