RÁDIO REGIONAL
DESPORTO

FPF: FERNANDO GOMES RECANDIDATA-SE COM APOIO DOS 3 GRANDES

nbsp| RÁDIO REGIONAL

O presidente da Federação Portuguesa de Futebol (FPF), Fernando Gomes, vai recandidatar-se à liderança do organismo em 2020, para o mandato até 2024, anunciou hoje o líder federativo, através de uma declaração enviada à agência Lusa.

“Decidi recandidatar-me à presidência da FPF para o quadriénio 2020-2024. Faço-o após uma reflexão que decorreu nos últimos meses, porque entendi que devo prosseguir o processo de transformação a que a instituição se sujeitou nos anos mais recentes”, anunciou o presidente do organismo de cúpula do futebol português.

Fernando Gomes, de 67 anos, cumpre o segundo mandato, depois de ter concorrido sem oposição às eleições de 04 de maio de 2016, alcançando 92% dos votos, e de ter sido eleito pela primeira vez em 10 de dezembro de 2011, ao derrotar Carlos Marta por 10 votos (46 contra 36), sucedendo a Gilberto Madail na presidência da FPF.

“Com o mesmo sentido de missão do primeiro dia, apresentarei as linhas orientadoras para essa candidatura durante o primeiro trimestre do ano”, revelou Fernando Gomes.

Antes de assumir a presidência da FPF, Fernando Gomes liderou a Liga de Clubes de Basquetebol, foi dirigente do FC Porto, entre 1994 e 2010, e presidiu à Liga Portuguesa de Futebol Profissional, entre 2010 e 2011.

O presidente do Benfica, Luís Filipe Vieira, enalteceu “notável trabalho realizado por Fernando Gomes e a sua equipa à frente da FPF”, considerando que é algo que “merece um justo e unânime reconhecimento”.

Também numa mensagem a que a Lusa teve acesso, o presidente do FC Porto, Pinto da Costa, elogiou o líder federativo, salientando que “tem uma carreira longa e de sucesso no mundo desportivo, tendo-se destacado em todos os cargos que ocupou pela competência e pela obtenção de resultados”.

“Por todo o trabalho que tem sido realizado de forma transversal e em diversas áreas, o Sporting vê com enorme otimismo e entusiasmo a recandidatura do dr. Fernando Gomes para presidente da FPF, em quem deposita enorme esperança no contínuo melhoramento do futebol nacional, e na sua intransigente defesa junto de todas as instâncias nacionais e internacionais”, escreveu, por seu lado, o presidente do Sporting, Frederico Varandas.

O líder ‘leonino’ salientou que o clube “reconhece, valoriza e apoia quem lidera com competência e rigor”, recordando que, “nos últimos anos, sob a liderança do Dr. Fernando Gomes, a FPF escreveu uma das páginas de maior glória do futebol nacional, com as conquista do Campeonato da Europa em 2016 e da Liga das Nações em 2019 entre muitas outras vitórias”.

A mensagem de Luís Filipe Vieira, intitulada de “mérito e reconhecimento”, manifesta, “de forma inequívoca, o apelo e apoio público à sua recandidatura para um terceiro mandato”, justificando-o com “o rigor e a profissionalização da sua estrutura, a isenção que tem pautado a sua relação com os clubes, os extraordinários e inéditos resultados desportivos obtidos pelas diferentes seleções”.

“Desde os mais consagrados títulos de campeões europeus e vencedores da Liga das Nações, passando pelas conquistas e troféus conquistados nos escalões mais jovens, futsal ou futebol de praia, pela expansão do futebol feminino”, destacou o líder ‘encarnado’, lembrando ainda a construção da Cidade do Futebol, em Oeiras, a promoção da modalidade e a criação do canal televisivo 11.

Além destes motivos, Vieira aponta ainda a “importância crescente e presença de dirigentes e quadros da FPF nos órgãos de topo dos principais organismos internacionais do futebol mundial e europeu”.

“O reconhecimento internacional do seu trabalho é a prova de que tem todas as condições para continuar a liderar a FPF”, corroborou Pinto da Costa, na sua mensagem

O líder dos ‘dragões’ justificou o apoio no reconhecimento das qualidades necessárias a um dirigente desportivo: “Estuda bem os assuntos sobre os quais tem de tomar de decisões, é capaz de conceber e implementar projetos inovadores e consegue normalmente alcançar os objetivos a que se propõe”.

“Durante os mandatos do Dr. Fernando Gomes, a FPF tornou-se uma instituição mais prestigiada a vários níveis. O sucesso desportivo das seleções nacionais, a gestão equilibrada e o desenvolvimento do património da FPF têm a marca indelével de um dirigente habituado ao sucesso há muitos anos”, reforçou o presidente ‘azul e branco’.

Pinto da Costa defende ainda a continuidade da modernização do futebol português, reconhecendo que “o trabalho está longe de estar concluído”: “Conheço-o bem e sei que nunca deixa o trabalho a meio e, por isso, estou a seu lado e apoio a recandidatura a um novo mandato. A FPF é a locomotiva do futebol, português, que necessita da experiência e saber do dr. Fernando Gomes, que apoio na sua decisão de recandidatura”.

“Como atleta e como dirigente, fosse em que modalidade fosse, o dr. Fernando Gomes afirmou-se muitas vezes como um campeão. É de campeões que o futebol português precisa para ser cada melhor e mais credível”, concluiu Pinto da Costa.

Fernando Gomes, de 67 anos, cumpre o segundo mandato, depois de ter concorrido sem oposição às eleições de 04 de maio de 2016, alcançando 92% dos votos, e de ter sido eleito pela primeira vez em 10 de dezembro de 2011, ao derrotar Carlos Marta por 10 votos (46 contra 36), sucedendo a Gilberto Madail na presidência da FPF.

Antes de assumir a presidência da FPF, Fernando Gomes liderou a Liga de Clubes de Basquetebol, foi dirigente do FC Porto, entre 1994 e 2010, e presidiu à Liga Portuguesa de Futebol Profissional, entre 2010 e 2011.

VEJA AINDA:

SPORTING VENCE NA LUZ E IGUALA FC PORTO NO TOPO DA I LIGA (VÍDEO)

Lusa

SPORTING E FC PORTO TÊM ATÉ FINAL DE JANEIRO PARA PAGAR DÍVIDAS E EVITAR SUSPENSÕES NA UEFA

Lusa

COVID-19: VÁRIOS CLUBES DA I LIGA LIMITAM LOTAÇÃO A 5.000 PARA DISPENSAR ADEPTOS DE TESTE

Lusa

SÉRGIO CONCEIÇÃO ALERTA: ‘TODOS OS CUIDADOS SÃO POUCOS PARA EVITAR COVID-19’

Lusa

FC PORTO: RELATÓRIO DE CONTAS 2020/21 APROVADO POR MAIORIA

Lusa

SPORTING DE BRAGA REGRESSA AOS TRIUNFOS FRENTE AO VIZELA (VÍDEO)

Lusa

Moschee Teppich

Moschee teppiche werden nicht kurzfristig gewechselt, d.h. das ein Moschee teppich sehr hohe Anforderungen erfüllen muβ. Speziell entworfene Moschee Teppiche zeichnen sich durch Design und Farben aus. Mit der Weiterentwicklung der Technologie werden heute Tausende von Farben und Modellen in Teppichen hergestellt, die mit Moscheen kompatibel sind.

100% Reine Schurwollteppich kaufen: Schurwollteppiche sind Schwerentflammbar, Robust, Strapazierfahig, Antibakteriel und Schmuzabweisend.

Canlı Maç Sonuçları Run 3 Play Snake Friv Atari Breakout cookie clicker unblocked games Düğün Paketleri uygunsigara.com/ Umzug Basel
saç ekimi hair transplant
Umzug Basel
seslendirme santral anons santral seslendirme