GREVE: ADESÃO DE 60% DOS TRABALHADORES DE REGISTOS E NOTARIADO

A greve nos registos está hoje a registar uma adesão de cerca de 60%, com algumas conservatórias encerradas e outras em serviços mínimos, disse à agência Lusa fonte sindical.

“Algumas conservatórias estão a trabalhar, mas com falta de funcionários”, acrescentou José Ferreira, dirigente do Sindicato Nacional dos Registos, afeto à UGT.

Dados divulgados pela estrutura sindical dão como encerradas as conservatórias prediais de Lamego, de Viseu, de Torres Novas e a Loja do Cidadão de Tavira.

Em serviços mínimos ficaram as conservatórias do registo comercial de Lamego, a conservatória de Alijó, a 1.ª conservatória do registo comercial do Porto, a conservatória do registo comercial de Silves, a de Faro e a de Loulé, bem como a conservatória do registo comercial e predial do Bombarral, de acordo com a mesma fonte.

Os trabalhadores dos registos realizam hoje uma greve de 24 horas, dando seguimento a uma série de paralisações iniciadas em julho e que se prolongam até ao final deste mês, em defesa de remunerações, promoções e abertura de concursos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.