RÁDIO REGIONAL
INTERNACIONAL

HOMEM CONDENADO A 100 ANOS DE PRISÃO

HOMEM CONDENADO A 100 ANOS DE PRISÃOnbsp| RÁDIO REGIONAL

Um homem foi condenado a cem anos de prisão, depois de ter sido filmado a atirar repetidamente a enteada de três anos para a piscina de um hotel, no México.

Nas perturbantes imagens, gravadas em Agosto de 2015 na cidade de Morelia, é possível ver o padrasto a atirar a criança para a água várias vezes e até a puxá-la para o fundo da piscina. Em tribunal, ficou provado que o homem sabia que a enteada não sabia nadar e que houve um ato deliberado de homicídio por afogamento.

A mãe da criança estava dormir no quarto de hotel onde a família estava instalada e afirma que não se apercebeu de nada, tendo mais tarde levado a criança ao hospital, sem saber que já estaria morta.

Sabe-se que outras pessoas estavam nas imediações da piscina, mas ninguém tentou salvar a menina ou evitar que o homem continuasse a atirá-la para a água.

Com base na imagens, o ministério Público pediu 40 anos de prisão para o homem identificado como Jose David N., mas o juiz sentenciou-o a cem anos de cadeia, sem possibilidade de libertação antecipada.

Durante o julgamento, o homem não prestou declarações.Ver aqui o vídeo que serviu de prova em tribunal:

VEJA AINDA:

COVID-19: 42% DOS RECUPERADOS COM SINTOMAS DE STRESS PRÓ-TRAUMÁTICO

Lusa

GUARDA: JUDICIÁRIA DETÉM SETE SUSPEITOS DE TRÁFICO DE ESTUPEFACIENTES

Lusa

PENAFIEL: INVESTIMENTO DE UM MILHÃO DE EUROS NO SERVIÇO DE PNEUMOLOGIA DO HOSPITAL

Lusa

EX-JUIZ JULGADO E CONDENADO A 15 MESES DE PRISÃO POR VÁRIOS CRIMES

Lusa

OBESIDADE CUSTA 1,2 MIL MILHÕES POR ANO AOS PORTUGUESES

Lusa

FIFA REÚNE-SE COM SELECIONADORES PARA DISCUTIR CALENDÁRIO E MUNDIAL DE DOIS EM DOIS ANOS

Lusa