RÁDIO REGIONAL
NACIONAL

MILITARES DA GNR “CASTIGADOS” DEVIDO A “POUCAS MULTAS”

nbsp| RÁDIO REGIONAL

“Desmotivados e apavorados.” É assim que 14 dos 18 militares do posto da GNR no Sameiro, em Braga, se queixam de sofrerem pressões do sargento que comanda a unidade para passarem multas aos automobilistas.

O desabafo dos militares surge num abaixo-assinado a que o Jornal de Notícias teve acesso, e onde acusam o comandante do posto do Sameiro de “coacção” e “ameaças” para que aumentem o número de multas de trânsito emitidas.

Os militares ameaçam avançar com uma queixa-crime e vão enviar este abaixo-assinado ao Comando central, alegando que o comandante do posto do Sameiro actua em “atropelo da lei e dos deveres do Regulamento”.

O JN apurou que os militares que não passem, no mínimo, 15 multas mensais são punidos com a mudança de horários de serviço, com a proibição de troca de serviços com colegas e com procedimentos disciplinares.

Além disso, o sargento em causa terá enviado um email aos que não cumprem a meta estabelecida apelidando-os de “parasitas” e de “incompetentes”.

No Comando-Geral da GNR, o major Bruno Marques refere ao JN não ter conhecimento de qualquer queixa, e assegura que “no Regulamento de Avaliação do Mérito dos Militares, a quantidade de autos de contra-ordenação não é critério de avaliação”.

nbsp| RÁDIO REGIONAL

ZAP | LUSA

VEJA AINDA:

OPERAÇÃO DA GNR REGISTA 287 CRIMES POR CONDUÇÃO COM TAXA DE ÁLCOOL ELEVADA

Lusa

LEIRIA: GNR DETEVE TRÊS SUSPEITOS DE FURTOS NO CEMITÉRIO DE PORTO DE MÓS

Lusa

COIMBRA: GNR DETÉM DOIS HOMENS E APREENDE TABACO ‘ILEGAL’

Lusa

FORNOS DE ALGODRES: PULSEIRA ELETRÓNICA PARA SUSPEITO DE VIOLÊNCIA DOMÉSTICA

Lusa

LEIRIA: PRISÃO PREVENTIVA PARA SUSPEITO DE AGREDIR A MULHER

Lusa

MINISTRO ANUNCIA 2600 NOVOS ELEMENTOS PARA PSP E GNR E INVESTIMENTOS DE 600 MILHÕES ATÉ 2026

Lusa