ECONOMIA & FINANÇAS

PCP PROPÕE NACIONALIZAÇÃO IMEDIATA DO NOVO BANCO

O PCP propôs hoje, na Assembleia da República, que se “inicie de imediato o processo de integração” do Novo Banco “na esfera pública” ou nacionalização.

Os comunistas propõem que “o Governo reverta o contrato de venda do Novo Banco, garantindo que eventuais indemnizações incidam exclusivamente sobre o montante injetado pela Lone Star, deduzido de eventuais ganhos decorrentes da gestão de ativos do banco, ou de práticas de gestão danosa”, lê-se numa nota divulgada pelo grupo parlamentar.

O PCP propõe, igualmente, “uma avaliação extraordinária da política de gestão de ativos, património e perdão de dívidas no Novo Banco, da idoneidade dos seus administradores, nomeadamente no que diz respeito à política de prémios e à política salarial da administração e dos gestores de topo”.

VEJA AINDA:

HUNGRIA E POLÓNIA CONFIRMAM VETO AOS ORÇAMENTOS EUROPEUS

Lusa

CRISE: CENTROS COMERCIAIS ‘PROCESSAM’ O ESTADO PORTUGUÊS

Lusa

PSD ESPERA QUE GOVERNO NÃO TENTE ‘HABILIDADE SALOIA’ PARA PERMITIR CONGRESSO DO PCP

Lusa

CRISE: CENTENO DEFENDE APOIOS PÚBLICOS TEMPORÁRIOS E CENTRADOS NO MERCADO DE TRABALHO

Lusa

ANACOM: NOS, MEO E VODAFONE COBRAM MAIS POR MENOS QUALIDADE DE SERVIÇOS

Lusa

GOVERNO ESCLARECE: COMÉRCIO E RESTAURANTES FECHADOS ENTRE AS 13:00 E AS 08:00 AOS FINS DE SEMANA

Lusa