RÁDIO REGIONAL
DESPORTO

PORTO BRILHA COM HAT-TRICK DE ABOUBAKAR

nbsp| RÁDIO REGIONAL

Um hat-trick do camaronês Aboubakar permitiu ao FC Porto vencer o Moreirense por 3-0, em partida da terceira jornada da I Liga, disputada no estádio do Dragão este domingo.

O avançado camaronês dos “azuis e brancos” conseguiu aumentar, ainda mais, a temperatura numa das mais quentes tardes de futebol no Dragão, apontando dois golos no primeiro tempo, aos 18 e 21, e “selando” a exibição com o terceiro golo, aos 77 minutos.

Com este resultado, o FC Porto soma o terceiro triunfo em igual número de jornadas da I Liga, e mantêm-se na frente da tabela com os mesmo pontos que os rivais Benfica e Sporting e também do Rio Ave. Já o Moreirense somou a primeira derrota deste campeonato, depois de somar dois empates, frente a Feirense e Vitória de Setúbal, nas rondas iniciais da competição.

Num desafio em que foi notada a ausência do defesa Ricardo nas opções dos “azuis e brancos”, cedo se percebeu que os primeiros minutos iam ser jogados na área de Moreirense, com a formação minhota a ser obrigada a recuar mediante pressão inicial exercida pelos locais.

Um cabeceamento de Danilo e um remate de Marega, antes dos dez minutos, frisaram a vontade dos “dragões” em se cedo se adiantarem no marcador e, depois de uma ligeira resposta contrária, Aboubakar acabou por inaugurar o marcador, num cabeceamento eficaz após cruzamento de Alex Telles, aos 18 minutos.

O tento desbloqueou, um pouco, a contenção do Moreirense, que, na tentativa de contrapor, acabou por cometer um erro fatal, que redundou no 2-0 para os “dragões”, aos 21 minutos.

Num passe mal medido de André Micael, Óliver Torres recuperou o esférico, correu para a área do Moreirense e, depois de endossar para Marega, que atirou para defesa de Jnonathan, ainda tentou recarga, mas acabou por ser Aboubakar a esboçar o tiro final e a “bisar” no jogo.

Com uma vantagem bem mais confortável, e perante os poucos argumentos de resposta do Moreirense, os comandados de Sérgio Conceição baixaram a intensidade, e não fosse um remate de longe de Danilo, que o guardião dos minhotos susteve, pouco mais houve a registar até ao intervalo.

No regresso do descanso, e já depois de o público do Dragão ter saudado a equipa de ciclismo do FC Porto, que venceu a última edição da Volta a Portugal, o jogo retomou “morno”.

O Moreirense ainda tentou surpreender com uma entrada aguerrida, mas não demorou a que fossem os donos do terreno a recuperarem o controlo dos acontecimentos, embora sem clarividência na altura da finalização.

Marega, com remate à barra, e Coronas ainda esboçaram duas situações mais acutilantes, pouco depois da hora de jogo, mas a emoção só voltaria a contagiar as bancadas locais aos 77, com Aboubakar a frisar o estatuto de homem de jogo, ao anotar o 3-0.

O avançado camaronês aproveitou um corte de Marcano para deixar André Micael para trás e, à entrada da área, rematar forte para rubricar o “hat-trick”.

Até ao final, o FC Porto ainda teve um par de oportunidades para dilatar a vantagem, por Hernâni e Aboubakar, mas também o Moreirense ameaçou o tento de honra, num remate de Arsénio, que Casillas respondeu com boa defesa, mantendo o 3-0 final.

VEJA AINDA:

PORTO: OBRAS DO METRO CONDICIONAM TRÂNSITO NA AVENIDA DE FRANÇA ATÉ FINAL DE 2022

Lusa

PORTO: TÚNEL DE SANTO OVÍDIO VAI FECHAR 18 MESES DEVIDO A OBRAS DO METRO

Lusa

BOAVISTA: VÍTOR MURTA VAI RECANDIDATAR-SE À PRESIDÊNCIA

Lusa

DIRETO: FC VIZELA X SL BENFICA (18:00)

Rádio Regional

SPORTING DE BRAGA VENCE E APROXIMA-SE DO PRIMEIRO LUGAR DO GRUPO F DA LIGA EUROPA

Lusa

BENFICA SOFRE PRIMEIRA DERROTA NA ‘CHAMPIONS’ AO SER GOLEADO PELO BAYERN DE MUNIQUE

Lusa