RÁDIO REGIONAL
REGIÕES

PORTO: GALERIAS DO BOLHÃO VÃO SER DEMOLIDAS – DGPC

nbsp| RÁDIO REGIONAL

A Direção-Geral do Património Cultural (DGPC) deu luz verdade à alteração do projeto de requalificação do Mercado do Bolhão, no Porto, cujo método construtivo implica a demolição das galerias, revelou hoje aquele organismo.

Em resposta à Lusa, a entidade que tutela o património refere que, sob informação devidamente fundamentada da Direção Regional de Cultura do Norte (DRCN), aprovou em 27 de março um aditamento à intervenção “que proponha o desmonte de alguns elementos metálicos (colunas, varandas e consolas da cobertura) e a demolição de três, das quatro lajes existentes de betão das galerias superiores do mercado”.

Para a tomada de decisão, constituíram fatores relevantes, “o elevado estado de degradação dos elementos metálicos (que serão reparados em oficina e recolocados nos sítios originais) e das lajes de betão”.

De acordo com a DGPC, neste último caso, e segundo parecer técnico independente da Universidade de Aveiro e do Instituto da Construção da Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto (FEUP), “face às atuais anomalias verificadas no local (oxidação, corrosão avançada, fissuração e destacamentos vários), a sua reparação culminaria na substituição quase integral dos seus elementos, comprometendo, à partida, a sua integridade e autenticidade”.

O referido parecer técnico concluiu que “a galeria existente em betão armado deverá ser demolida e substituída por uma nova estrutura (também em betão armado)”, na condição da sua reconstrução respeitar de forma detalhada o desenho e secções do projeto original.

Essa situação ficou acautelada através da entrega de um levantamento arquitetónico minucioso das referidas galerias”, assegura a Direção-Geral do Património Cultural.

No dia 20 de dezembro de 2019, a Câmara do Porto anunciou que as obras de requalificação do Mercado do Bolhão, cujo término estava previsto para maio deste ano, iriam ser prolongadas por mais um ano, devido à necessidade de alterar “o método construtivo”, que implicaria a demolição e reconstrução total das galerias superiores, cujo estado de degradação, afirmava a autarquia, “era, afinal bastante mais grave do que era possível apurar a partir dos estudos preliminares”.

Numa declaração lida, o presidente da autarquia, Rui Moreira, explicou que caso as galerias se mantivessem intactas durante toda a obra, como estava inicialmente previsto, a abordagem que proposta “seria impossível”, a construção da cave “ficaria comprometida, mais morosa e menos segura” e “seria mais cara e demoraria mais tempo, atirando a conclusão do restauro para dezembro de 2021”.

O Ministério Público (MP) está a investigar desde agosto de 2016 “a existência de um eventual crime no processo de reabilitação” daquela estrutura, na sequência de uma participação que o arquiteto Joaquim Massena, autor de um projeto de requalificação de 1998, apresentou no Departamento de Investigação e Ação Penal (DIAP) do Porto.

A empreitada de restauro e modernização do Mercado do Bolhão foi adjudicada ao agrupamento Alberto Couto Alves S.A. e Lúcio da Silva Azevedo & Filhos S.A. por mais de 22 milhões de euros, tendo sido “consignada oficialmente” a 15 de maio de 2018, prevendo-se um prazo de dois para a conclusão dos trabalhos.

VEJA AINDA:

TORRES VEDRAS: SURTO DE COVID-19 NA AUTARQUIA COM 27 INFETADOS

Lusa

LISBOA: TRABALHADORES DA RODOVIÁRIA EM GREVE NA QUINTA E SEXTA-FEIRA

Lusa

BRAGANÇA: UM ‘NOVO’ PERITO FORENSE CONTRADIZ ACUSAÇÃO NO CASO GIOVANI

Lusa

ALCOENTRE: SURTO COM 31 INFETADOS NO ESTABELECIMENTO PRISIONAL

Lusa

AVEIRO: SUSPEITO CONFESSA ASSALTOS, MAS NEGA SEQUESTRO DE CRIANÇAS

Lusa

VIANA DO CASTELO: MOVIMENTOS CÍVICOS EXIGEM A SUSPENÇÃO DE CONSULTA PÚBLICA – LÍTIO

Lusa

Moschee Teppich

Moschee teppiche werden nicht kurzfristig gewechselt, d.h. das ein Moschee teppich sehr hohe Anforderungen erfüllen muβ. Speziell entworfene Moschee Teppiche zeichnen sich durch Design und Farben aus. Mit der Weiterentwicklung der Technologie werden heute Tausende von Farben und Modellen in Teppichen hergestellt, die mit Moscheen kompatibel sind.

100% Reine Schurwollteppich kaufen: Schurwollteppiche sind Schwerentflammbar, Robust, Strapazierfahig, Antibakteriel und Schmuzabweisend.

Canlı Maç Sonuçları Run 3 Play Snake Friv Atari Breakout cookie clicker unblocked games Düğün Paketleri uygunsigara.com/ Umzug Basel
saç ekimi hair transplant
Umzug Basel
seslendirme santral anons santral seslendirme