RÁDIO REGIONAL
salt likit
ECONOMIA & FINANÇAS

CRISE: RESTAURANTES EXIGEM APOIOS PARA COBRIR PREJUÍZOS DE 2021

nbsp| RÁDIO REGIONAL

Os empresários da restauração querem receber compensações para cobrir os prejuízos de 2021 porque os impactos das restrições, nomeadamente no período de festas, causaram “perdas colossais”, adiantou hoje a PRO.VAR – Associação Nacional de Restaurantes.

“A PRO.VAR espera que, independentemente do maior ou menor alívio das restrições, seja em primeira linha anunciado um conjunto de compensações para cobrir os prejuízos de 2021“, defendeu, em comunicado.

As restrições sobre os testes obrigatórios e o teletrabalho levaram o setor a perdas “nunca vistas” e de nada adiantou a retorno à normalidade dos horários e da lotação, referiu.

Dizendo que “caos, desespero e pânico” são as palavras mais utilizadas no setor da restauração, a PRO.VAR sublinhou que durante o ano de 2021 foram raros os apoios e muitos dos que foram atribuídos ainda estão por liquidar.

“O setor já não tem resiliência para suportar tais perdas e pede que o governo seja tão célere na atribuição de apoios tal como tem sido na implementação de restrições”, vincou.

Por isso, a PRO.VAR pede que sejam reatados uma “espécie de segunda versão” dos apoios atribuídos em 2020, designadamente o “lay-off”, um novo apoio à retoma progressiva, apoiar.pt, apoiar restauração ou apoiar rendas.

“Este “cocktail” de apoios são extremamente importantes, pois visam compensar as empresas de acordo com as suas particularidades, admitindo que algumas destas possam ser complementares”, ressalvou a associação.

Num inquérito realizado entre terça e quarta-feira, e segundo respostas de 429 restaurantes, a PRO.VAR apurou que 52,11% destes tiveram perdas de faturação superiores a 50% no período de restrições com obrigatoriedade de apresentação de certificados, testes negativos e teletrabalho.

Já no período em que as restrições assentavam na apresentação de teste negativo para aceder ao espaço e teletrabalho, 92,11% dos estabelecimentos apontam perdas superiores a 50%.

Outra das conclusões é que o teletrabalho, por si só, é responsável por 25% de perda de faturação em 72,88% dos restaurantes, cerca de três em cada quatro.

“Um em cada três trabalhadores já foram para isolamento e em consequência disto, um em cada cinco restaurantes acabaram por fechar, seja por surto ou por infeção de trabalhadores chave do restaurante”, concluiu a associação.

Peritos que aconselham o Governo sobre a pandemia de Covid-19 propõem que 70% de internamentos em cuidados intensivos e índice de transmissibilidade (Rt) acima de 1 sejam critérios para agravar medidas de contenção e insistem na responsabilização da população.

Segundo recomendações hoje apresentadas na reunião de avaliação da pandemia realizada no Infarmed, é proposta uma linha vermelha nos 70% de camas ocupadas em unidades de cuidados intensivos e um Rt acima de 1, contabilizando uma média a cinco dias, para, por exemplo, voltar ao teletrabalho quando possível, reduzir as lotações em espaços laborais, públicos e em convívios familiares, usar o certificado e os testes para acesso a espaços públicos e proibir o consumo de bebidas alcoólicas na via pública.

Os peritos propõem igualmente uma aposta na autoavaliação de risco, responsabilizando mais a população, e nos autotestes, defendendo que estes devem ser gratuitos.

VEJA AINDA:

SONAE ESTÁ A ‘FATURAR’ MAIS – VOLUME DE NEGÓCIOS CRESCEU 6,3% EM 2021

Lusa

PRAZO PARA PÓS-PAGAMENTO DE PORTAGENS ELETRÓNICAS ALARGADO DE CINCO PARA 15 DIAS

Lusa

PRODUÇÃO DE VINHO VERDE CRESCE EM ANO DE ‘RECORDE DE EXPORTAÇÕES’ – PRESIDENTE

Lusa

PORTUGAL COM RECORDE DE PRODUÇÃO DE AZEITE E DIFICULDADE EM ESCOAR BAGAÇO DE AZEITONA

Lusa

PREÇO DO PÃO DEVERÁ SUBIR ESTE ANO IMPULSIONADO PELOS CUSTOS DE PRODUÇÃO

Lusa

ZERO ALERTA PARA AUMENTO DO USO DE LAREIRAS E QUER COMBATE À POBREZA ENERGÉTICA

Lusa
Yatak Odası Takımı Run 3 free games unblocked

Moschee Teppich

Moschee teppiche werden nicht kurzfristig gewechselt, d.h. das ein Moschee teppich sehr hohe Anforderungen erfüllen muβ. Speziell entworfene Moschee Teppiche zeichnen sich durch Design und Farben aus. Mit der Weiterentwicklung der Technologie werden heute Tausende von Farben und Modellen in Teppichen hergestellt, die mit Moscheen kompatibel sind.

100% Reine Schurwollteppich kaufen: Schurwollteppiche sind Schwerentflammbar, Robust, Strapazierfahig, Antibakteriel und Schmuzabweisend.

Canlı Maç Sonuçları Run 3 Play Snake Friv Atari Breakout Elektronik Sigara cookie clicker unblocked games Düğün Paketleri uygunsigara.com/ Umzug Basel
saç ekimi hair transplant
Umzug Basel
seslendirme santral anons santral seslendirme
salt likit
free hacks