Ligue-se a nós

DESPORTO

ROSA MOTA DISTINGUIDA COM “HONORIS CAUSA”

A maratonista Rosa Mota, campeã olímpica em atletismo em 1988 em Seul (Coreia do Sul), vai receber o título de Doutora Honoris Causa da Universidade do Porto pelo “notabilíssimo percurso de vida”, anunciou hoje aquela instituição de ensino superior.

Online há

em

blank

A maratonista Rosa Mota, campeã olímpica em atletismo em 1988 em Seul (Coreia do Sul), vai receber o título de Doutora Honoris Causa da Universidade do Porto pelo “notabilíssimo percurso de vida”, anunciou hoje aquela instituição de ensino superior.

“Proposta pela Faculdade de Desporto da Universidade do Porto (FADEUP) e com parecer favorável unânime pelo Senado da Universidade, a concessão do título de Doutora Honoris Causa é justificada pelo “notabilíssimo percurso de vida” de Rosa Mota”, lê-se no comunicado da Universidade do Porto (UP) divulgado hoje, acrescentando que em “breve” anunciará a data de entrega do título.

O reitor da UP, Sebastião Feyo de Azevedo, evoca na sua fundamentação para a distinção com o ‘Honoris Causa’ a Rosa Mota “o extraordinário papel de embaixadora de Portugal, e especialmente das gentes do Norte, no mundo”, para além da sua “disponibilidade e apoio às iniciativas da FADEUP”, designadamente como membro do Conselho de Representantes daquela faculdade desde 2014.

A maratonista do Porto é “detentora de uma extraordinária carreira desportiva, com um desempenho inigualável que a tornou uma lenda do desporto, se elevou, pela sua continuada conduta cívica exemplar, a símbolo regional, nacional e mundial”, refere o comunicado.

No momento da assinatura do despacho reitoral, a atleta Rosa Mota declarou-se “profundamente agradecida à FADEUP e à Universidade do Porto pela confiança” que foi depositada nela com a atribuição do título de ‘Doutora Honoris Causa’.

“Sinto-me honrada por ver reconhecido tudo o que fiz pelo nosso país e o que continuo ainda a fazer”, disse.

Nascida no Porto, a 29 de junho de 1958, Rosa Mota sagrou-se campeã olímpica, mundial e europeia de maratona.

Foi a primeira mulher portuguesa a conquistar uma medalha de ouro olímpica, quando venceu a prova da maratona nos Jogos Olímpicos de Seul, em 1988. Quatro anos antes, nas Olimpíadas de Los Angeles, conquistou a medalha de bronze também de atletismo.

Considerada uma das melhores maratonistas de sempre e uma das maiores atletas da história do desporto português, Rosa Mota já recebeu outras homenagens e distinções nacionais e internacionais, designadamente a Grã-Cruz da Ordem do Infante D. Henrique e a Grã-Cruz da Ordem do Mérito, mas este será o seu primeiro Doutoramento Honoris Causa.

O título de ‘Doutor Honoris Causa’ pela Universidade do Porto é atribuído a “personalidades eminentes, nacionais ou estrangeiras, que se tenham distinguido na atividade académica, profissional, cultural ou política ou que hajam contribuído, direta ou indiretamente, para o prestígio e engrandecimento de Portugal, em geral, e da Universidade do Porto, em particular”, explica a instituição de Ensino Superior.

blank

LUSA

DESPORTO

MUNDIAL 2022: PORTUGAL JUNTA-SE AO BRASIL E FRANÇA NOS OITAVOS

Portugal tornou-se hoje a terceira seleção a garantir um lugar nos oitavos de final do Mundial do Qatar, ao vencer o Uruguai por 2-0, em encontro da segunda jornada do Grupo H, disputado em Lusail.

Online há

em

blank

Portugal tornou-se hoje a terceira seleção a garantir um lugar nos oitavos de final do Mundial do Qatar, ao vencer o Uruguai por 2-0, em encontro da segunda jornada do Grupo H, disputado em Lusail.

Depois de duas assistências no primeiro jogo (3-2 ao Gana), Bruno Fernandes marcou os golos que, aos 54 minutos e, de penálti, aos 90+3, selaram o triunfo da formação das ‘quinas’, que se juntou nos ‘oitavos’ a França e Brasil.

Na classificação do Grupo H, Portugal soma agora seis pontos, ficando a um de garantir a vitória no agrupamento, contra três do Gana e um de Uruguai e Coreia do Sul, que perdeu hoje por 3-2 com os africanos e defronta a seleção lusa na sexta-feira.

O jogo frente ao Uruguai ficou ainda marcado com uma invasão de campo de um ativista com mensagens de apoio à Ucrânia e às mulheres no Irão com uma bandeira do “Arco-íris” da inclusão.

blank

blank

LER MAIS

DESPORTO

MUNDIAL 2022: PORTUGAL VENCEU O URUGUAI (2-0) VEJA AQUI OS GOLOS

Portugal tornou-se hoje a terceira seleção a garantir um lugar nos oitavos de final do Mundial do Qatar, ao vencer o Uruguai por 2-0, em encontro da segunda jornada do Grupo H, disputado em Lusail.

Online há

em

blank

Portugal tornou-se hoje a terceira seleção a garantir um lugar nos oitavos de final do Mundial do Qatar, ao vencer o Uruguai por 2-0, em encontro da segunda jornada do Grupo H, disputado em Lusail.

Depois de duas assistências no primeiro jogo (3-2 ao Gana), Bruno Fernandes marcou os golos que, aos 54 minutos e, de penálti, aos 90+3, selaram o triunfo da formação das ‘quinas’, que se juntou nos ‘oitavos’ a França e Brasil.

Na classificação do Grupo H, Portugal soma agora seis pontos, ficando a um de garantir a vitória no agrupamento, contra três do Gana e um de Uruguai e Coreia do Sul, que perdeu hoje por 3-2 com os africanos e defronta a seleção lusa na sexta-feira.

Fonte: Vídeo RTP

LER MAIS

DESPORTO

MUNDIAL 2022: BRASIL VENCE SUÍÇA E GARANTE ACESSO AOS ‘OITAVOS’

O Brasil garantiu hoje um lugar nos oitavos de final do Mundial de futebol de 2022, juntando-se à detentora do título França, ao vencer a Suíça por 1-0, em encontro da segunda jornada do Grupo G.

Online há

em

blank

O Brasil garantiu hoje um lugar nos oitavos de final do Mundial de futebol de 2022, juntando-se à detentora do título França, ao vencer a Suíça por 1-0, em encontro da segunda jornada do Grupo G.

Em Doha, um golo do médio Casemiro, aos 83 minutos, selou o triunfo dos ‘canarinhos’, campeões mundiais em 1958, 1962, 1970, 1994 e 2002, que atuaram desfalcados do lesionado Neymar.

Na classificação do Grupo G, o conjunto comandado por Tite passou a contar seis pontos, contra três da suíça e um de Camarões e Sérvia, que empataram hoje a três golos.

LER MAIS

DESPORTO

MUNDIAL 2022: GANA BATE COREIA DO SUL APÓS DERROTA COM PORTUGAL (3-2)

O Gana conseguiu hoje o primeiro triunfo no Mundial de futebol de 2022, depois do desaire com Portugal, ao vencer por 3-2 a Coreia do Sul, de Paulo Bento, que acabou expulso, na segunda jornada do Grupo H.

Online há

em

blank

O Gana conseguiu hoje o primeiro triunfo no Mundial de futebol de 2022, depois do desaire com Portugal, ao vencer por 3-2 a Coreia do Sul, de Paulo Bento, que acabou expulso, na segunda jornada do Grupo H.

Mohammed Salisu, aos 24 minutos, e Mohammed Kudus, aos 34 e 68, apontaram os tentos dos ganeses, enquanto Cho Gue-sung ‘bisou’, aos 58 e 61, para os sul-coreanos, que recuperaram de 0-2 para 2-2, mas acabaram sem pontos, após 0-0 com o Uruguai.

Na classificação do agrupamento, o Gana soma os mesmos três pontos de Portugal, enquanto os sul-coreanos mantiveram-se com um, como os uruguaios, que defrontam ainda hoje a formação das ‘quinas’, a partir das 22:00 locais (19:00 em Lisboa).

LER MAIS

JORNAL ONLINE

blank

DESPORTO DIRETO

MUSICBOX

EMISSÃO NACIONAL





EMISSÃO REGIONAL










WEBRÁDIOS TEMÁTICAS MUSICAIS










LINHA CANCRO

PAGAMENTO PONTUAL

KEYWORDS

MAIS LIDAS