RÁDIO REGIONAL
REGIÕES

SÃO PEDRO DA COVA: REMOÇÃO DOS RESÍDUOS PERIGOSOS CONCLUÍDA NO INÍCIO DE 2022

nbsp| RÁDIO REGIONAL

O presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Norte (CCDR-N) adiantou hoje que a remoção dos resíduos perigosos depositados em São Pedro da Cova, Gondomar, no distrito do Porto, deverá ficar concluída no primeiro trimestre de 2022.

“A obra de remoção dos resíduos perigosos de São Pedro da Cova retomou um ritmo acelerado. Esperamos concluí-la no primeiro trimestre de 2022”, disse António Cunha, na sua conta na rede social Twitter.

Dizendo tratar-se da “maior operação de sempre de resolução de um passivo ambiental na região Norte”, o presidente da CCDR-N referiu que serão removidas mais de 137 mil toneladas de resíduos.

Já na semana passada, em declarações à Lusa, o presidente da Câmara Municipal de Gondomar, Marco Martins, revelou faltar remover 1,5% dos resíduos perigosos.

A remoção destes resíduos começou em outubro de 2014, mais de 10 anos depois do depósito, tendo terminado em maio do ano seguinte, com a retirada de 105.600 toneladas.

Para dar seguimento à operação, o Estado alocou a esta empreitada 12 milhões de euros do Fundo Ambiental.

O concurso registou sete candidatos e em abril de 2018 foi anunciado que a remoção terminaria em 2019, mas o processo foi adiado devido a uma impugnação judicial que só conheceu um desfecho em 15 de novembro de 2019.

Em meados de maio foi tornado público que o Governo vai disponibilizar 2,2 milhões de euros para prolongar a remoção depois de ter sido detetado que existem mais 28 mil toneladas, valor que corresponde a mais 20% de resíduos ainda por retirar, de acordo com o que disse à Lusa o presidente da Câmara de Gondomar, Marco Martins.

Ao longo dos anos, esta situação motivou perguntas e requerimentos de partidos políticos, bem como iniciativas locais como vigílias, concentrações e protestos, e o envio ao primeiro-ministro, António Costa, de milhares de postais com a frase “Remoção total dos resíduos perigosos em São Pedro da Cova já”, acompanhada de imagens a simbolizar sinais de perigo.

VEJA AINDA:

COVID-19: UNIVERSIDADE DE COIMBRA AVALIA REAÇÕES EMOCIONAIS DE PROFISSIONAIS DE SAÚDE

Lusa

CINCO DISTRITOS EM ALERTA AMARELO DEVIDO À CHUVA, NEVE E AGITAÇÃO MARÍTIMA

Lusa

PORTO: FEIRA DO CERCO VAI ENCERRAR DEFINITIVAMENTE

Lusa

AÇORES: MAU TEMPO CAUSOU PREJUÍZOS DE QUATRO MILHÕES NA REDE VIÁRIA

Lusa

BATERIAS IMPOSSÍVEIS DE SUBSTITUIR AUMENTAM DESPERDÍCIO E GASTOS, ALERTAM AMBIENTALISTAS

Lusa

VILA NOVA DE GAIA: FESTEJOS ALUSIVOS AO NATAL E ANO NOVO CANCELADOS

Lusa

Moschee Teppich

Moschee teppiche werden nicht kurzfristig gewechselt, d.h. das ein Moschee teppich sehr hohe Anforderungen erfüllen muβ. Speziell entworfene Moschee Teppiche zeichnen sich durch Design und Farben aus. Mit der Weiterentwicklung der Technologie werden heute Tausende von Farben und Modellen in Teppichen hergestellt, die mit Moscheen kompatibel sind.

100% Reine Schurwollteppich kaufen: Schurwollteppiche sind Schwerentflammbar, Robust, Strapazierfahig, Antibakteriel und Schmuzabweisend.

Canlı Maç Sonuçları Run 3 Play Snake Friv Atari Breakout cookie clicker unblocked games Düğün Paketleri uygunsigara.com/ Umzug Basel
saç ekimi hair transplant
Umzug Basel
seslendirme santral anons santral seslendirme
salt likit