RÁDIO REGIONAL
DESPORTO

SPORTING “CUMPRE” E VENCE RIO AVE POR 2-0 (VÍDEO)

nbsp| RÁDIO REGIONAL

Gelson Martins marcou o primeiro golo ‘leonino’, aos 24 minutos, e Bas Dost o segundo, aos 84, com o avançado internacional holandês a chegar aos 23 golos no campeonato, atrás do benfiquista Jonas, com 31.

O triunfo ‘recolocou’ o Sporting na perseguição a FC Porto (70 pontos) e Benfica (68), com os ‘leões’ a somarem 65 pontos. O Rio Ave ocupa o quinto lugar, com 40 pontos, agora apenas com mais em relação ao Marítimo, que nesta jornada venceu em casa do Tondela.

Apesar do pouco tempo de descanso – a partida em Plzen obrigou a tempo extra – o Sporting entrou determinado em chegar rapidamente ao golo: ao minuto 4, Cássio defendeu um cruzamento venenoso de Fábio Coentrão, após uma boa combinação com Rúben Ribeiro. Na resposta, o Rio Ave tentou uma transição rápida, mas o cruzamento de Diego foi cortado por Mathieu.

A primeira grande oportunidade acabaria por surgir aos 12’: Bas Dost aproveitou um erro de Leandrinho na saída de bola e apareceu isolado na cara de Cássio, que acabou por levar a melhor no um para um. Pouco depois, foi a vez de João Novais, um dos destaques deste campeonato, tentar a sua sorte, mas a bola saiu muito por cima da baliza de Rui Patrício.

Ao minuto 20, houve nova oportunidade de ouro para o Sporting: livre batido por Bruno Fernandes, a enviar a bola à barra da baliza de Cássio. Na sequência do lance, Bas Dost tentou o cabeceamento, mas o guardião respondeu com novadefesa.

Com tanta pressão, era uma questão de tempo até a equipa de Jorge Jesus fazer o 1-0. Até porque o Rio Ave vinha a adotar uma estratégia bastante mais defensiva do que o habitual – contrariamente ao que seria de esperar. Ao minuto 24, Piccini lançou Bruno Fernandes pela direita, o médio cruzou de seguida para Bas Dost, que enganou toda a gente e tocou para trás, onde surgiu Gelson. Após um belo trabalho individual, o extremo atirou a bola para o fundo da baliza, apontando o 12.º golo na temporada. Excelente momento da formação ‘leonina’, a conformar o seu domínio sobre o conjunto de Miguel Cardoso.

Apenas três minutos depois esteve à vista o 2-0, num lance caricato de Fábio Coentrão, a cruzar na direção da baliza do Rio Ave – a bola ainda esbarrou no ferro, quase traindo Cássio. Os vilacondenses continuavam macios a nível defensivo (só mesmo o seu guarda-redes evitou um resultado mais dilatado), mas ainda dispuseram de uma boa oportunidade para fazer o empate. Aos 38’ Yuri Ribeiro rematou para defesa apertada de Rui Patrício, após um desvio traiçoeiro de Mathieu.

Já em cima do intervalo, Cássio voltou a agigantar-se entre os postes, desta feita a negar o golo a Rodrigo Battaglia (45’), após assistência de Gelson. Custava a acreditar que este Rio Ave era o mesmo que havia causado calafrios ao ‘leão’ no jogo da primeira volta, no Estádio dos Arcos. Até porque o segundo tempo não trouxe nada de novo em termos dinâmicos.

Ao minuto 52, Mathieu rematou mal após canto de Bruno Fernandes, e depois foi Bas Dost a não conseguir finalizar, na área (55’), um cruzamento de Coentrão. Apesar do caudal ofensivo, continuava a faltar (mais) golos à equipa de Jorte Jesus. O lateral esquerdo dos ‘leões’, então, não estava particularmente inspirado, voltando a enviar uma bola ao poste (60’), após uma boa combinação com Gelson – Cássio estava batido.

O técnico ‘leonino’ aproveitou a deixa para mexer na equipa, fazendo entrar Acuña para o lugar de Rúben Ribeiro. Miguel Cardoso respondeu tirando Diego Lopes por troca com Barreto. Só que a batalha do Sporting era cada vez menos contra o Rio Ave, e cada vez mais mais contra os ferros. Porque só assim os ‘leões’ não saíram de Alvalade com uma vitória mais folgada. Exemplo disso o lance aos 69’, em que William ganhou a bola no meio-campo, e libertou para Bruno Fernandes, que à entrada da área rematou colocado mas ao poste esquerdo da baliza contrária.

Tanta persistência acabaria por ser recompensada, porque ao minuto 84, já com Bryan Ruiz em campo, Bas Dost redimiu-se do penálti falhado na República Checa e confirmou o triunfo da equipa da casa num golpe de cabeça, a finalizar uma excelente jogada individual de Gelson Martins. Até ao final da partida, ainda houve tempo para a estreia oficial de Wendel, mas pouco mais.

VEJA AQUI O RESUMO DO JOGO:

VEJA AINDA:

BOAVISTA: VÍTOR MURTA VAI RECANDIDATAR-SE À PRESIDÊNCIA

Lusa

DIRETO: FC VIZELA X SL BENFICA (18:00)

Rádio Regional

SPORTING DE BRAGA VENCE E APROXIMA-SE DO PRIMEIRO LUGAR DO GRUPO F DA LIGA EUROPA

Lusa

BENFICA SOFRE PRIMEIRA DERROTA NA ‘CHAMPIONS’ AO SER GOLEADO PELO BAYERN DE MUNIQUE

Lusa

FC PORTO BATE AC MILAN E ESTREIA-SE A VENCER NA LIGA DOS CAMPEÕES

Lusa

SPORTING ESTREIA-SE A VENCER NA LIGA DOS CAMPEÕES NO ESTÁDIO DO BESIKTAS

Lusa