RÁDIO REGIONAL
DESPORTO

SPORTING EMPATA COM FAMALICÃO E PERDE PONTOS PELO SEGUNDO JOGO CONSECUTIVO (VÍDEO)

nbsp| RÁDIO REGIONAL

O Sporting voltou a ceder terreno na I Liga portuguesa de futebol pelo segundo jogo consecutivo, ao empatar hoje 1-1 na receção ao Famalicão, em encontro da 26.ª jornada da prova.

Os ‘leões’ ainda estiveram em vantagem, quando Pedro Gonçalves, que igualou o suíço Seferovic, do Benfica, na liderança dos melhores marcadores, com 16 golos, inaugurou o marcador, aos 25 minutos, mas os famalicenses reagiram de imediato e igualaram volvidos dois minutos, por intermédio de Anderson.

Apesar de nova igualdade, a equipa ‘leonina’ conserva o primeiro lugar, agora com 66 pontos, mais seis do que o FC Porto, segundo classificado, e nove do que o Benfica, terceiro, enquanto a equipa de Famalicão ganhou mais um ponto na fuga à zona de despromoção, sendo agora 13.º, com 27.

Um empate a um golo diante do Famalicão custou hoje dois pontos ao Sporting na luta pelo título da I Liga de futebol, em jogo da 26.ª jornada, que assim permitiu nova aproximação de FC Porto e Benfica.

Depois da ‘escorregadela’ em Moreira de Cónegos na ronda anterior, o líder do campeonato consentiu a segunda igualdade consecutiva, num jogo em que fez mais por ganhar, mas no qual nunca esteve totalmente confortável. E a ‘culpa’ deveu-se ao mérito do Famalicão, que teve sempre uma postura desinibida e intensa, confirmando a sua retoma desde a chegada do técnico Ivo Vieira, ainda sem derrotas em quatro partidas.

Uma entrada afirmativa demonstrou a vontade dos ‘leões’ de regressarem rapidamente aos triunfos. Tentando impor a sua identidade de jogo, a equipa de Rúben Amorim sentiu, porém, algumas dificuldades para encontrar espaços na defesa famalicense, com Tiago Tomás a ser a exceção no ataque ‘leonino’.

Perante a bem organizada equipa do Famalicão, o Sporting teve de recorrer à arma da eficácia e não perdoou no primeiro erro do adversário. Aos 25 minutos, Pedro Gonçalves assinou o 1-0 com um remate colocado para uma baliza deserta, depois de ‘roubar’ a bola a um adversário e contar com a assistência de Paulinho, naquele que foi o seu 16.º golo na prova, igualando o benfiquista Seferovic no topo da lista dos melhores marcadores.

O golo na primeira grande oportunidade parecia ser o melhor cenário possível para os ‘leões’, mas não tardaram a sofrer na pele o mesmo golpe. Apenas dois minutos depois, Anderson fez o 1-1, após assistência de Ivan Jaime, na sequência de uma boa arrancada de Vinagre, alcançando dessa forma a marca de quatro jogos consecutivos a faturar.

De volta à igualdade, o Sporting acusou o golo sofrido e só voltou a ameaçar a baliza de Luiz Júnior na primeira parte num remate de longe de Porro.

O empate ao intervalo era o sinónimo das dificuldades sentidas pelo conjunto comandado por Rúben Amorim para dominar um Famalicão atrevido e aguerrido, numa primeira parte intensa e bem disputada em Alvalade.

O treinador do Sporting reconheceu que era preciso mudar algo na equipa e lançou Daniel Bragança e Matheus Reis para a segunda parte, na expectativa de dar mais qualidade com bola. Foi então que se acentuou a pressão ‘leonina’ e Tiago Tomás e Neto ficaram ambos perto de voltar a dar vantagem ao líder.

Do outro lado, apesar de pressionado, o Famalicão não se resignou e começou a explorar continuamente bolas rápidas para as costas da defensiva ‘leonina’ e por pouco não voltou a surpreender Adán, que se aplicou para evitar o pior, aos 63. Sem encontrar o caminho da baliza com o controlo da bola, Rúben Amorim apostou no repentismo de Jovane, que teria nos ‘descontos’ a chance de dar a vitória, mas atirou desacertadamente pela linha de fundo.

Só nos minutos finais é que a equipa de Ivo Vieira já não encontrou argumentos para conseguir sair em contra-ataque e fechou-se na salvaguarda de um importante ponto na luta pela permanência. O Sporting tentava de todas as formas chegar ao golo, já então com o central Coates como referência ofensiva e uma derradeira aposta em Nuno Santos, mas o empate perdurou até ao apito final, para frustração dos ‘leões’ – visível na reação de Rúben Amorim, que seria expulso já após o jogo.

O empate reduz o conforto pontual do Sporting no topo da classificação, que soma agora 66 pontos, mais seis do que o campeão FC Porto e mais nove em relação ao Benfica. Já o Famalicão sobe ao 13.º posto, registando agora 27 pontos.

VEJA AINDA:

SPORTING DE BRAGA VENCE E APROXIMA-SE DO PRIMEIRO LUGAR DO GRUPO F DA LIGA EUROPA

Lusa

BENFICA SOFRE PRIMEIRA DERROTA NA ‘CHAMPIONS’ AO SER GOLEADO PELO BAYERN DE MUNIQUE

Lusa

FC PORTO BATE AC MILAN E ESTREIA-SE A VENCER NA LIGA DOS CAMPEÕES

Lusa

SPORTING ESTREIA-SE A VENCER NA LIGA DOS CAMPEÕES NO ESTÁDIO DO BESIKTAS

Lusa

JORGE JESUS: ‘UM BENFICA PERFEITO PODE DISCUTIR O JOGO COM O BAYERN’

Lusa

FIFA REÚNE-SE COM SELECIONADORES PARA DISCUTIR CALENDÁRIO E MUNDIAL DE DOIS EM DOIS ANOS

Lusa