Connect with us

ECONOMIA & FINANÇAS

85% DAS EMPRESAS NÃO PAGAM A TEMPO E HORAS

‘Payment Study 2018′ compara o comportamento de pagamentos em 32 países, 24 da Europa e 12 do resto do mundo, e diz que Portugal é o país com o pior registo, abaixo de Israel.

Data:

em

‘Payment Study 2018′ compara o comportamento de pagamentos em 32 países, 24 da Europa e 12 do resto do mundo, e diz que Portugal é o país com o pior registo, abaixo de Israel.

Apenas 15 em cada 100 empresas nacionais cumpre os prazos de pagamento acordados com os seus fornecedores. Esta é a conclusão é do estudo ‘Como pagam as empresas em Portugal’, da Informa D&B.

Segundo os dados divulgados, dois terços das empresas em Portugal pagam com um atraso até 30 dias e 19% pagam com atrasos superiores a 30 dias.

“Em abril de 2018, a percentagem de empresas que pagaram dentro das datas acordadas (15,2%) atingiu um dos valores mais baixos desde 2007, sendo transversal a todos os setores e regiões. Este indicador está em queda desde setembro de 2017, com uma descida de 3,0 pp”, refere o estudo.

O ‘Payment Study 2018 compara o comportamento de pagamentos em 32 países, 24 da Europa e 12 do resto do mundo, diz ainda que “Portugal é o país com o pior registo, abaixo de Israel, com apenas 17,4% de empresas cumpridoras dos prazos de pagamento, Bulgária, com 22,7%, e China, com 27,1%”.

A Dinamarca mantém a liderança do ranking de melhores pagadores mundiais, com 86,5% das empresas a regularizar os seus pagamentos a fornecedores dentro das datas acordadas. Portugal encontra-se no último lugar, figurando no grupo de países com menos empresas a cumprir as datas acordadas.

Patrícia Gaspar | JE

AS MAIS LIDAS