RÁDIO REGIONAL
ECONOMIA & FINANÇAS

COFINA NEGOCEIA COMPRA DA TVI (MÉDIA CAPITAL) E ADMITE LANÇAR OPA

nbsp| RÁDIO REGIONAL

A Cofina anunciou que está a negociar com a Prisa a aquisição da Vertix, que detém 94,69% do capital social da Media Capital, e admite lançar uma Oferta Pública de Aquisição (OPA) sobre o grupo.

Em comunicado, enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), a dona do Correio da Manhã revelou que prevê “que a Cofina venha a adquirir à Prisa a totalidade do capital social na Vertix, SGPS, S.A., sociedade comercial através do qual a Prisa detém ações representativas de 94,69% do capital social e dos direitos de voto da Media Capital, ao invés de proceder diretamente à aquisição da participação na Media Capital”.

Neste contexto, a empresa, presidida por Paulo Fernandes, indicou que se encontra “atualmente a rever documentação relativa à Vertix para, em conjunto com a Prisa, concretizar definitivamente o objeto do negócio e, correspondentemente, a respetiva avaliação”.

A Cofina recordou que “conforme anunciado a 14 de agosto de 2019, a Cofina e a Prisa encontram-se atualmente a negociar, em regime de exclusividade que vigora durante um período de 30 dias, que pode ser prorrogado por vontade das partes, os termos e condições de uma potencial aquisição, pela Cofina, da participação da Prisa na Grupo Media Capital”.

Caso as negociações sejam concluídas “com a celebração de um contrato de compra e venda – que incluirá os termos e condições que venham a ser acordados entre as partes para o negócio” a Cofina irá levar a cabo “simultaneamente a divulgação de um anúncio preliminar de Oferta Pública de Aquisição [OPA] sobre as ações remanescentes da Media Capital”.

Tendo em conta a reduzida liquidez das ações do grupo, a “Cofina antecipa que, caso venha a ser anunciada uma OPA sobre a Media Capital, a CMVM designe um auditor independente para fixar a respetiva contrapartida”.

O Conselho de Administração da CMVM decidiu suspender as negociações das ações da Cofina e do grupo Media Capital no dia 14 de agosto, depois de o Expresso avançar com notícia que dava conta das negociações.

“O Conselho de Administração da Comissão do Mercado de Valores Mobiliários, deliberou […] a suspensão da negociação das ações da Cofina – SGPS, SA e das ações do Grupo Media Capital, SGPS, SA, aguardando a divulgação de informação relevante ao mercado”, lê-se num comunicado publicado na página da internet da CMVM.

A Cofina confirmou as negociações no dia 14, tendo a Prisa comunicado as conversações no dia seguinte.

VEJA AINDA:

COVID-19: EMPRESAS COM APOIO À RETOMA CAEM QUASE 60% EM SETEMBRO PARA 2.168

Lusa

GOVERNO VAI CRIAR BALCÃO ÚNICO PARA VIABILIZAR ACORDOS DE RECUPERAÇÃO DE EMPRESAS

Lusa

GOVERNO APROVA MEDIDA QUE PERMITE AO FISCO FLEXIBILIZAR PAGAMENTO DE JUROS MORATÓRIOS

Lusa

GOLDENERGY CONDENADA POR FALTA DE ATENDIMENTO TELEFÓNICO EFICAZ

Lusa

LIMITAÇÃO DAS MARGENS DE COMBUSTÍVEIS PODE LEVAR AO FECHO DE EMPRESAS DE MENOR DIMENSÃO – ADC

Lusa

COVID-19: MAIS DE 50% DAS EMPRESAS DE MEDIA COM QUEDA DE RECEITAS NO 1.º TRIMESTRE

Lusa