Ligue-se a nós

DESPORTO

FC PORTO X MOREIRENSE FC: ANÁLISE DE JOSÉ AUGUSTO SANTOS

O FC Porto confiante, mais móvel e eficaz desde a alteração tática motivada pela ida de Taremi à Taça das Nações Asiática goleou um Moreirense que cometeu muitos erros e que se exibiu longe do que já demonstrou esta época.

Online há

em

O FC Porto confiante, mais móvel e eficaz desde a alteração tática motivada pela ida de Taremi à Taça das Nações Asiática goleou um Moreirense que cometeu muitos erros e que se exibiu longe do que já demonstrou esta época.

Sérgio Conceição só trocou o castigado Nico González por Stephen Eustáquio, entrou rápido e marcou por Wendell na sequência de um excelente cruzamento de Francisco Conceição. A partir daí o ritmo e intensidade baixou e praticamente não existiram oportunidades para marcar. Os guarda-redes foram meros espetadores. Só na segunda parte depois da troca de Eustáquio por Ivan Jaime, em que o treinador transmitiu à equipa que era preciso jogar mais para a frente, a equipa imprimiu velocidade e aproveitou com eficácia os vários erros que o Moreirense cometeu e construiu o resultado.

O Moreirense era uma equipa formatada para jogar com a sua referência ofensiva, André Luís que era muito solicitado, segurava a bola, esperava o apoio de Alanzinho e Franco, solicitava os alas e marcava golos, terá de se reformular com a sua saída. Na primeira parte no Dragão até construiu algumas jogadas em transição, mas não tiveram sequencia quando se aproximaram de baliza de Diogo Costa, por má definição no último passe ou no remate. Neste jogo a opção de jogar com Alanzinho e Aparicio soltos na frente não resultou. O influente Gonçalo Franco também passou ao lado do jogo. A equipa de Moreira de Cónegos até teve um bom remate de Kodisang no início da segunda parte que saiu ligeiramente ao lado, mas depois cometeu erros defensivos sucessivos e foi inexistente ofensivamente. Rui Borges ainda tentou refrescar todos os setores, mas a equipa perdeu posicionamento na sua organização defensiva e sofreu mais 3 golos.

O Porto com a alteração tática imposta pela ida de Taremi à Taça das Nações Asiática, fica uma equipa mais móvel e imprevisível o que torna as marcações contrárias mais difíceis. Francisco Conceição no 1×1, as movimentações de Pepê e Evanilson e a profundidade de Galeno tornam a equipa mais perigosa e neste jogo foi muito eficaz. O iraniano não deixou de ser um excelente jogador, muito influente na ligação e pressão que o Porto fazia, mas nesta época nunca esteve ao seu nível. O Porto está melhor com este formato tático e neste jogo foi muito eficaz.

Wendell com 2 golos e um excelente jogo foi o melhor. Francisco Conceição, Varela, Pepe e João Mário, estiveram num patamar ligeiramente acima dos colegas numa exibição coletiva e individual bem conseguida.

No Moreirense só Kodisang tentou importunar a defensiva portista. Coletivamente a equipa esteve longe do desempenho habitual e Kevin que tem feito uma época espetacular esteve inseguro e cometeu vários erros que resultaram em golo.

O árbitro Luís Godinho teve a sua noite mais tranquila no Estádio do Dragão.


José Augusto Santos, Comentador Desportivo e Treinador de Futebol Nível IV UEFA Pro.

Publicidade

HELPO, EU CONSIGNO EU CONSIGO, IRS 2024
ASSOCIAÇÃO SALVADOR, HÁ 20 ANOS A TIRAR SONHOS DO PAPEL

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

DESPORTO

SC BRAGA: PIZZI NÃO RENOVA CONTRATO E DESPEDE-SE DOS “GUERREIROS”

O experiente internacional português Pizzi não vai continuar no Sporting de Braga, anunciou hoje o clube minhoto, quarto classificado da I Liga de futebol.

Online há

em

O experiente internacional português Pizzi não vai continuar no Sporting de Braga, anunciou hoje o clube minhoto, quarto classificado da I Liga de futebol.

“Foi bom ter-te de volta, Luís Miguel [Pizzi]. Obrigado por tudo”, pode ler-se nas redes sociais do clube minhoto, numa despedida ao médio de 34 anos e numa referência implícita à segunda passagem pelos ‘arsenalistas’, depois do regresso, 12 anos depois, em janeiro de 2023.

A saída de Pizzi, que termina contrato com os minhotos em junho, acontece no dia seguinte à do veterano defesa central José Fonte (40 anos).

Esta época, o médio fez 44 jogos pelo Sporting de Braga em todas as competições (nacionais e internacionais), tendo apontado quatro golos e feito quatro assistências.

Internacional por 17 vezes, Pizzi alinhou nos juniores dos bracarenses em 2007/08, proveniente do Bragança, mas na equipa sénior, depois de vários empréstimos, só tinha feito dois jogos no início da época 2011/12, antes de ser transferido para o Atlético de Madrid, em agosto de 2011.

LER MAIS

DESPORTO

SPORTING CP: TODOS OS GOLOS DA ÉPOCA 2023/2024 (VÍDEO)

Veja aqui todos os golos do Sporting CP na Primeira Liga época 2023/2024.

Online há

em

Veja aqui todos os golos do Sporting CP na Primeira Liga época 2023/2024.

LER MAIS
Subscrever Canal WhatsApp
RÁDIO ONLINE
ASSOCIAÇÃO SALVADOR, HÁ 20 ANOS A TIRAR SONHOS DO PAPEL

LINHA CANCRO
DESPORTO DIRETO

RÁDIO REGIONAL NACIONAL: SD | HD



RÁDIO REGIONAL VILA REAL


RÁDIO REGIONAL CHAVES


RÁDIO REGIONAL BRAGANÇA


RÁDIO REGIONAL MIRANDELA


MUSICBOX

WEBRADIO 100% PORTUGAL


WEBRADIO 100% POPULAR


WEBRADIO 100% LOVE SONGS


WEBRADIO 100% BRASIL


WEBRADIO 100% OLDIES


WEBRADIO 100% ROCK


WEBRADIO 100% DANCE


WEBRADIO 100% INSPIRATION

KEYWORDS

FABIO NEURAL @ ENCODING


NARCÓTICOS ANÓNIMOS
PAGAMENTO PONTUAL


MAIS LIDAS