Connect with us

REGIÕES

PORTUGAL “GASTA” 12.500 PRESERVATIVOS NO FESTIVAL EUROVISÃO

A unidade móvel da Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo (ARSLVT), que marcou presença no Eurovision Village, no Terreiro do Paço, em Lisboa, distribuiu perto de 12.500 preservativos ao longo de seis dias.

Data:

em

A unidade móvel da Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo (ARSLVT), que marcou presença no Eurovision Village, no Terreiro do Paço, em Lisboa, distribuiu perto de 12.500 preservativos ao longo de seis dias.

De acordo com informação transmitida pela ARSLVT à agência Lusa, foram distribuídos 12.459 preservativos durante seis dias, entre segunda-feira, 07 de maio, e sábado, dia 12, sendo que 11.971 foram masculinos e 488 femininos.

A par da contraceção, os festivaleiros receberam também 2.980 lubrificantes.

Ao longo dos seis dias, foram contactadas 3.075 pessoas e foram realizados 70 testes de alcoolemia e 82 de monóxido de carbono.

De acordo com a informação disponibilizada pela ARSLVT, o número de pessoas contactadas foi crescendo ao longo da semana, tendo atingido o pico no sábado, dia da final do festival, quando foram abordados 1.004 fãs.

A estes números, juntam-se 3.312 panfletos distribuídos.

O posto de saúde funcionou entre as 17:00 e a meia-noite, na segunda-feira, mas o horário alargou-se nos dias seguintes, com a unidade a estar disponível a partir das 10:00.

A par dos rastreios e da distribuição dos preservativos, gel lubrificante e panfletos, a unidade tinha também como missão o encaminhamento de situações mais graves e a prevenção de situações de risco.

A unidade de saúde contou, ao todo, com 25 profissionais, entre médicos, enfermeiros e psicólogos, distribuídos ao longo dos vários dias.

O Eurovision Village tornou o Terreiro do Paço na “aldeia” da 63.ª edição do Festival Eurovisão da Canção.

O espaço esteve aberto ao longo da semana, até sábado. Contou com concertos dos concorrentes e de outros artistas, e a transmissão das semifinais e da final do festival, nos ecrãs gigantes.

A 63.ª edição do Festival Eurovisão da Canção foi realizada pela European Broadcasting Union (EBU, sigla em inglês) em parceria com a RTP.

Israel venceu, pela quarta vez, o Festival, com o tema “Toy”, interpretado por Netta, enquanto a canção portuguesa, “O Jardim”, defendida por Cláudia Pascoal e escrita por Isaura, ficou em último lugar.

AS MAIS LIDAS