PÓVOA DE LANHOSO: AUTARQUIA DISTRIBUI 32 MIL MÁSCARAS SOCIAIS

A câmara da Póvoa de Lanhoso vai distribuir 32 mil máscaras à casa dos munícipes para que a população esteja “mais protegida” no “regresso parcial” à vida social, anunciou hoje aquela autarquia.

Em comunicado enviado à Lusa, a autarquia do Distrito de Braga refere que a medida terá colaboração dos CTT e pretende também “sensibilizar para o seu uso [das máscaras], em complemento com a continuidade de outras medidas de proteção, como, por exemplo, a lavagem frequente das mãos e a manutenção de distanciamento social”.

A autarquia lembra que a Direção Geral da Saúde aponta que “é de considerar o uso de máscaras por todas as pessoas que permaneçam em espaços interiores fechados com um número elevado de pessoas como medida de proteção adicional ao distanciamento social, à higiene das mãos e à etiqueta respiratória”.

“Apelamos ao uso de máscaras sociais para minimizar as possibilidades de contágio (…). O regresso gradual à vida social tem de ser feito com muito cuidado. E a nossa Autarquia, com a entrega destas máscaras, pretende insistir na necessidade de nos protegermos”, refere no texto o presidente da Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso, Avelino Silva.

Segundo o último boletim epidemiológico, a Póvoa de Lanhoso regista até agora 35 casos positivos de Covid-19, doença transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Em Portugal, morreram 820 pessoas das 22.353 confirmadas como infetadas, e há 1.143 casos recuperados, de acordo com a Direção-Geral da Saúde.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.