Connect with us

INTERNACIONAL

SPAVC E ESPECIALISTAS DE TODO O MUNDO DEBATEM O AVC EM ITÁLIA

RÁDIO REGIONAL

Data:

em

Começou hoje, e decorre até dia 24 de maio, a 5.ª edição da European Stroke Organisation Conference (ESOC), que este ano se realiza na cidade de Milão, em Itália, onde são esperados mais de 4.000 congressistas de todo o mundo. Serão três dias de atualização científica na área do AVC, que contam com uma notável participação portuguesa, à semelhança de anos anteriores. Vários especialistas nacionais ocupam lugares de destaque em comités científicos da ESO, participam na moderação de sessões e na coordenação de cursos formativos, fazem conferências, sem esquecer as muitas apresentações de estudos através de comunicações orais e de posters.

A Sociedade Portuguesa do Acidente Vascular Cerebral (SPAVC) volta a reforçar a sua internacionalização, através de uma notável participação de profissionais de saúde portugueses no maior evento internacional dedicado à abordagem, prevenção e tratamento do AVC. Portugal estará fortemente representado na ESOC 2019, com mais de 40 intervenções de especialistas portugueses no programa científico, em sessões de natureza variada.

Na opinião da Prof.ª Elsa Azevedo, vice-presidente da SPAVC, esta participação demonstra a proatividade e qualidade científica dos especialistas portugueses, bem como o esforço crescente da SPAVC no seu posicionamento internacional. “Para além da apresentação de trabalhos de investigação nacional e internacional e da participação em conferências a convite e moderação de sessões, existe uma presença crescente de elementos da SPAVC como membros de comités da European Stroke Organisation (ESO), nomeadamente em Brain and Heart Council, Dementia Committee, Education Committee, Guidelines Board, Membership Committee, Telestroke Committee, International Liaison Committee e Young Stroke Physicians & Researchers Committeee”.

Na fotografia, Prof. Elsa Azevedo, Presidente da SPAVC – Sociedade Portuguesa do Acidente Vascular Cerebral, que em Itália debate o AVC num evento que acolhe os mais reconhecidos especialistas de todo o mundo.

Ao nível do programa científico, este ano o congresso conta com algumas novidades no que se refere à organização das sessões. “Uma das inovações passa pela organização de sessões assinaladas como «ask the speaker», em que é permitido aos participantes colocarem perguntas diretamente ao palestrante através da app do congresso”, avançou a Dr.ª Diana Aguiar Sousa, membro do ESO Young Stroke Physicians and Researchers Committee. Por outro lado, “existirão também sessões com questões dirigidas ao público (assinaladas no programa como «voting»), nas quais a votação é feita através da app do congresso, tendo como objetivo aumentar o envolvimento da audiência e tornar as sessões mais interativas”.

A especialista, que integra também o Public Relations Committee da ESOC 2019, destacou ainda a aposta crescente da ESO nos formatos de comunicação interativos, “melhorando a experiência global dos congressistas e a qualidade e utilidade das discussões”. Entre as estratégias adotadas inclui-se também, por exemplo, “a otimização crescente dos produtos multimédia desenvolvidos no congresso, como as entrevistas aos investigadores e os Press Releases”, facilitando assim a divulgação das informações mais relevantes apresentadas em primeira mão no evento.

SOCIEDADE PORTUGUESA DO ACIDENTE VASCULAR CEREBRAL VOLTA A MARCAR PRESENÇA NA ESOC 2019:

Apostando na sua visibilidade e comunicação, a SPAVC volta a estar presente na ESOC 2019 num espaço físico próprio, à semelhança do que aconteceu o ano passado, de forma a divulgar a sua atividade além-fronteiras. “Pretende-se, com este espaço, por um lado divulgar a missão da SPAVC ao longo dos seus 14 anos de atividade e, por outro, funcionar como um ponto de encontro para todos os especialistas portugueses que estão a participar na ESOC”, referiu a vice-presidente da SPAVC, Prof.ª Elsa Azevedo. Neste âmbito, a Dr.ª Diana Aguiar Sousa lembrou que “a participação portuguesa tem apresentado um crescimento consistente, não apenas em número de congressistas, mas também na quantidade e qualidade dos trabalhos submetidos”. Para a médica, “esta internacionalização é também reflexo do reforço e crescimento que os cuidados ao doente com AVC têm tido em Portugal, e para o qual muito tem contribuído a atividade da SPAVC”. O espaço da SPAVC (Booth 54) pode ser encontrado na secção da exposição técnica reservada para associações sem fins lucrativos.









LINHA CANCRO
MUSIC BOX
WEB-SUMMIT

AS MAIS LIDAS