RÁDIO REGIONAL
MAGAZINE

ALGUNS CARROS DA VW PODEM SER PROIBIDOS DE CIRCULAR

nbsp| RÁDIO REGIONAL

Os automóveis do grupo Volkswagen afectados pelo escândalo das emissões poluentes em Portugal são obrigados a ir à oficina para serem intervencionados. Os carros da VW, Seat, Audi e Skoda que não forem reparados ficam impedidos de circular nas estradas portuguesas.

O aviso é feito pelo Instituto da Mobilidade e dos Transportes (IMT), em declarações ao “Jornal de Negócios”.

“Os veículos para os quais já exista solução técnica aprovada pelo KBA [regulador alemão] e que, sendo notificados para a acção de reposição da conformidade, não sejam submetidos à reposição da conformidade” nos prazos fixados “serão considerados em situação irregular”, disse fonte oficial do IMT.

Os carros que não forem intervencionados ficam sujeitos a chumbos nos centros de inspecção a partir de Maio de 2019. “Os veículos passam a ser reprovados em inspecção periódica sempre que não tenham efectuado as acções de ‘recall’ previstas para reposição da conformidade, nomeadamente relativas ao controlo das emissões poluentes”, acrescenta a mesma fonte.
De acordo com dados recentemente divulgados pelo grupo automóvel, as marcas Volkswagen, Audi e Skoda já repararam 79,9 mil automóveis afectados pelo escândalo em Portugal. Estas três marcas tinham um total de 101,6 mil carros afectadas pelo software fraudulento em Portugal, restando agora 21,7 mil viaturas por reparar.

Em Setembro de 2015 rebentou o escândalo da manipulação de emissões poluentes pela Volkswagen, estimando-se que em todo o mundo tenham sido afectados 11 milhões de veículos pela fraude cometida pelo grupo, dos quais oito milhões na Europa.

VEJA AINDA:

AMBIENTALISTAS SAÚDAM FIM DOS MOTORES DE COMBUSTÃO A PARTIR DE 2035

Lusa

CORONAVÍRUS: RALI DE PORTUGAL ADIADO

Rádio Regional

MOTOCICLOS ENVOLVIDOS EM ACIDENTES RODOVIÁRIOS AUMENTARAM 80% EM JANEIRO

Lusa

NOVAS MATRÍCULAS: IMT ATRIBUIU ONTEM A PRIMEIRA NOVA MATRÍCULA

Lusa

IVA DO CARREGAMENTO DE CARROS ELÉCTRICOS PODERÁ SER DEDUZIDO

Lusa

VENDAS DE AUTOMÓVEIS CAÍRAM 2,9% EM 2019

Lusa