NACIONAL

CALOR E RISCO DE INCÊNDIO EM PORTUGAL

O IPMA prevê para hoje para Portugal continental céu pouco nublado ou limpo, aumentando temporariamente de nebulosidade durante a tarde nas regiões do interior, vento fraco a moderado, podendo soprar forte nas terras altas das regiões Norte e Centro até ao meio da manhã e no final do dia.

Prevê-se uma pequena subida da temperatura mínima nas regiões do interior Norte e Centro e uma subida da temperatura máxima.

Para os Açores aguarda-se céu muito nublado, com abertas a partir da tarde, períodos de chuva em especial na madrugada e manhã, passando a aguaceiros fracos.

A Madeira terá períodos de céu muito nublado e vento fraco a moderado.

Aviso amarelo por causa do calor em Santarém, Leiria, Aveiro e Coimbra

Os distritos de Santarém, Leiria, Aveiro e Coimbra estão hoje sob aviso amarelo por causa do calor, segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

De acordo com o IPMA, o alerta vai vigorar até às 18:00 de quarta-feira.

Estes distritos estão hoje com risco ‘Muito Elevado’ e ‘Elevado’ de incêndio, num dia em que todo o território do continente está igualmente em risco ‘Muito Elevado’ de exposição à radiação ultravioleta (UV).

O IPMA prevê para hoje uma subida da temperatura máxima, com valores acima dos 30º em praticamente todo o território continental.

Nos distritos abrangidos pelo aviso amarelo por causa da persistência de tempo quente estão previstas temperaturas máximas entre os 35º e os 38º.

Níveis muito elevados de exposição à radiação UV em praticamente todo o país:

Portugal continental, o arquipélago da Madeira e duas ilhas dos Açores apresentam hoje um risco ‘Muito Elevado’ de exposição à radiação ultravioleta (UV), segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

De acordo com o Instituto, as ilhas dos Açores com risco ‘Muito Elevado’ São as das Flores e Faial. S. Miguel e a Terceira apresentam um nível ‘moderado’.

Para as regiões com risco ‘Muito Elevado’ e ‘Elevado’, o Instituto recomenda o uso de óculos de sol com filtro UV, chapéu, ‘t-shirt’, guarda-sol e protetor solar, além de desaconselhar a exposição das crianças ao sol.

Os índices UV variam entre menor do que 2, em que o UV é ‘Baixo’, 3 a 5 (‘Moderado’), 6 a 7 (‘Elevado’), 8 a 10 (‘Muito Elevado’) e superior a 11 (‘Extremo’).

Incêndios: 25 concelhos de norte a sul do país em ‘Risco Muito Elevado’

Vinte e cinco concelhos dos distritos de Faro, Beja, Portalegre, Castelo Branco, Santarém, Bragança e Vila Real estão hoje em risco “Muito Elevado” de incêndio, segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

De acordo com o IPMA, em risco “Elevado” estão cerca de 70 municípios dos distritos de Bragança, Vila Real, Porto, Aveiro, Viseu, Guarda, Coimbra, Santarém, Portalegre, Castelo Branco, Beja e Faro.

O risco de incêndio determinado pelo IPMA engloba cinco níveis, que podem variar entre ‘Reduzido’ e ‘Máximo’.

O cálculo é feito com base nos valores observados às 13:00 em cada dia, relativamente à temperatura do ar, humidade relativa, velocidade do vento e quantidade de precipitação nas últimas 24 horas.

VEJA AINDA:

ALFÂNDEGA DA FÉ: NÃO HÁ REGISTO DE NOVOS CASOS COVID-19 NAS ESCOLAS

Lusa

VILA VIÇOSA: 14 INFETADOS COM COVID-19 NOS SERVIÇOS DA MISERICÓRDIA

Lusa

AVEIRO: 13 ANOS DE PRISÃO PARA HOMEM QUE MATOU A MÃE

Lusa

AÇORES: SITUAÇÃO DE CALAMIDADE PROLONGADA ATÉ 23 DE OUTUBRO

Lusa

MONTIJO: INCÊNDIO NUMA EMPRESA CAUSA DOIS FERIDOS

Lusa

ALVAIÁZERE: SETE UTENTES E DOIS FUNCIONÁRIOS DE LAR INFETADOS COM COVID-19

Vítor Fernandes