RÁDIO REGIONAL | PORTUGAL
REGIÕES

CASTELO BRANCO: NOVA APLICAÇÃO PARA POTENCIAR O TURISMO NA BEIRA BAIXA

A Comunidade Intermunicipal da Beira Baixa (CIMBB) lançou uma aplicação para telemóvel que facilita o processo de gestão de reservas dos operadores turísticos, foi anunciado esta segunda-feira.

“Esta nova app permite aos operadores turísticos, integrados na plataforma de promoção turística www.beirabaixatour.pt, confirmar nos seus telemóveis de forma rápida, simples e intuitiva, as reservas recebidas através da plataforma que conta já com, aproximadamente, 240 mil visualizações”, explica, em comunicado enviado à agência Lusa, a CIMBB.

A aplicação para telemóvel já está disponível para download para os sistemas operativos IOS e Android.

A nova ferramenta permite aos operadores receber as notificações de novas reservas, aceitar ou rejeitar as mesmas e oferece ainda a possibilidade de rejeitar as reservas não concretizáveis com uma mensagem personalizada ao potencial cliente.

Esta é uma ferramenta útil para simplificar e otimizar todo o processo de gestão de reservas, sendo agora possível concretizá-lo na palma da mão através de dispositivos móveis”.

A CIMBB tem feito uma “forte aposta na digitalização” no âmbito de um processo contínuo de posicionamento da região enquanto destino turístico de referência da Península Ibérica.

As aplicações móveis e a plataforma “BeiraBaixaTour” integram o projeto da CIMBB “Beira Baixa: 3 Dias 3 Experiências”, que pretende reforçar a visibilidade e notoriedade turística da Beira Baixa, um programa cofinanciado pelo Turismo Centro de Portugal, Centro2020, Portugal2020 e União Europeia através do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional.

A CIMBB integra os concelhos de Castelo Branco, Idanha-a-Nova, Oleiros, Penamacor, Proença-a-Nova e Vila Velha de Ródão.

VEJA AINDA:

DEZ DISTRITOS SOB AVISO AMARELO DEVIDO À CHUVA, GRANIZO E TROVOADA

Lusa

VILA REAL: MAU TEMPO VOLTA A PROVOCAR ESTRAGOS EM PRODUÇÕES AGRÍCOLAS

Lusa

CIENTISTAS DE COIMBRA DESCOBREM NOVO MECANISMO DA INFEÇÃO PELA BACTÉRIA SALMONELLA

Lusa

LISBOA NÃO AVANÇA NO DESCONFINAMENTO – FERNANDO MEDINA

Lusa

LISBOA: LIMITAÇÃO À CIRCULAÇÃO DURANTE OS ‘SANTOS POPULARES’

Lusa

FAMALICÃO: HOMEM CONDENADO A 15 ANOS DE PRISÃO POR 452 CRIMES SEXUAIS CONTRA FILHAS

Lusa