RÁDIO REGIONAL
REGIÕES

CHAVES: FOGO EM BUSTELO MOBILIZA 124 OPERACIONAIS

nbsp| RÁDIO REGIONAL

Um incêndio que lavra numa zona de mato e pinhal de Bustelo, concelho de Chaves, distrito de Vila Real, mobiliza 124 operacionais, 30 viaturas e um meio aéreo, segundo a Proteção Civil.

O alerta para o fogo, que lavra “com alguma intensidade” e tem uma “frente com alguma extensão”, foi dado às 14:45.

Segundo fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro de Vila Real (CDOS), estão a ser posicionados meios no local e, pelas 16:30 estavam mobilizados para este incêndio 124 operacionais, 30 viaturas e um meio aéreo.

No distrito transmontano, durante o dia de hoje já se verificaram ignições em Alijó, Vila Pouca de Aguiar e Vila Real, as quais foram rapidamente resolvidas pelos operacionais, que permanecem nos locais em operações de rescaldo e vigilância.

Portugal Continental está em situação de contingência até domingo devido às previsões meteorológicas, com temperaturas muito elevadas em algumas partes do país, e ao risco de incêndio.

A situação de contingência corresponde ao segundo nível de resposta previsto na lei da Proteção Civil e é declarada quando, face à ocorrência ou iminência de acidente grave ou catástrofe, é reconhecida a necessidade de adotar medidas preventivas e ou especiais de reação não mobilizáveis no âmbito municipal.

Cinco distritos de Portugal continental mantêm-se sob aviso vermelho, o mais grave, devido ao tempo quente, com mais de uma centena de concelhos em perigo máximo de incêndio rural, segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera.

VEJA AINDA:

ALTO MINHO: FALTA DE CHUVA ATÉ FINAL DE AGOSTO AMEAÇA ABASTECIMENTO DE ÁGUA

Lusa

VIMIOSO: AUTARQUIA INDIGNADA COM A E-REDES DEVIDO AOS CORTES DE ENERGIA

Lusa

SECRETÁRIA DE ESTADO DIZ QUE UNIDADES MÓVEIS DE ATENDIMENTO DA PSP SÃO PARA MANTER

Lusa

PORTO: PSP CONFIRMA AUMENTO DA CRIMINALIDADE GRAVE EM 2021

Lusa

AVEIRO: ASAE APREENDEU 3.665 CAPACETES POR FALTA DE SEGURANÇA

Lusa

COIMBRA: CIENTISTAS ESTUDAM FORMAS SEGURAS DE RESGATE EM RISCO DE INCÊNDIOS

Lusa