RÁDIO REGIONAL
REGIÕES

PÓVOA DE VARZIM: JUDICIÁRIA DETEVE HOMEM POR EXTORSÃO EM FLAGRANTE DELITO

nbsp| RÁDIO REGIONAL

A Polícia Judiciária (PJ) deteve, na quarta-feira, na Póvoa de Varzim, em flagrante delito, um homem por extorsão agravada, por exigir dinheiro por trabalhos nunca realizados e para os quais não estava legalmente habilitado, foi hoje anunciado.

Em comunicado, a PJ revela que o arguido, de 50 anos e comerciante ambulante, abordou há duas semanas um construtor civil de uma obra na Póvoa de Varzim, no distrito do Porto, propondo-se a fazer segurança e vigilância ao estaleiro de obras, “mediante o pagamento de uma determinada quantia em dinheiro”.

“O arguido entrou por diversas vezes em contacto com o ofendido exigindo dinheiro por um serviço que nunca tinha praticado, não estava habilitado legalmente a fazê-lo, nem para o qual tinha sido contratado”, lê-se no comunicado.

Na terça-feira, o homem agora suspeito do crime de extorsão agravada, ameaçou a vítima com uma arma de fogo e exigiu o pagamento de “algumas centenas de euros”.

De acordo com a PJ, foi marcado um encontro, “altura em que [o homem] foi abordado e detido” por esta polícia.

O detido, que tem antecedentes policiais por passagem de moeda falsa, vai ser presente à autoridade judiciária para primeiro interrogatório judicial e aplicação das medidas de coação.

VEJA AINDA:

INCÊNDIOS: PARQUE NATURAL DA ESTRELA VAI LEVAR DÉCADAS A RECUPERAR – QUERCUS

Lusa

PORTO: TROTINETES CIRCULAM POR ZONAS PEDONAIS PROIBIDAS

Lusa

VILA REAL: JUDICIÁRIA DETEVE TRÊS SUSPEITOS DE ATEAR 16 INCÊNDIOS – MONTALEGRE

Lusa

VILA POUCA DE AGUIAR: APICULTORES PREOCUPADOS COM ANOS SUCESSIVOS DE BAIXA PRODUÇÃO

Lusa

ALMANCIL: CORPO DA DESAPARECIDA SANDRA ANDRADE ENCONTRADO EM QUARTEIRA

Lusa

VILA REAL: CHUVA E TROVOADA PROVOCA QUEDA DE ÁRVORES E INCÊNDIOS

Lusa