RÁDIO REGIONAL
INTERNACIONAL

RÚSSIA: MAIS DE 90% DO GÁS NATURAL EXPORTADO É PAGO EM RUBLOS – KREMLIN

nbsp| RÁDIO REGIONAL

O vice-primeiro-ministro da Rússia Alexander Novak assegurou hoje que 90% a 95% do gás exportado pela Gazprom para países europeus está a ser pago em rublos, cumprindo o determinado pelo Kremlin.

“Os que exprimiram o seu desejo e convicção mudaram” o pagamento para rublos, assinalou em conferência de imprensa no Fórum Económico de São Petersburgo.

“É uma grande parte se aplicarmos o volume global. O presidente da Gazprom saberá os números exatos, mas são entre 90% e 95%”, revelou Novak, sentado ao lado do máximo responsável do gigante do gás, Alexéi Miller.

O Presidente russo, Vladimir Putin, decretou a 31 de março que os países considerados “hostis” na sequência das sanções aplicadas pelo Ocidente por causa da invasão russa à Ucrânia, entre eles todos os países membros da União Europeia, (UE), passariam a pagar o gás em rublos.

Anexa a essa medida foi decidido ainda que a partir de 01 de abril, os clientes europeus deveriam abrir contas especiais no Gazprombank.

Na primeira dessas contas deve entrar o pagamento do gás russo recebido em euros ou dólares (em 97% dos casos os contratos previam o pagamento nessas divisas), que seriam depois convertidos em rublos na Bolsa de Moscovo e transferidos para a segunda conta, já como moeda russa.

Algumas empresas energéticas europeias recusaram este esquema e Gazprom cortou o fornecimento de gás.

Recentemente, o gigante do gás russo cortou o abastecimento aos Países Baixos, Polónia, Bulgária e Finlândia, bem como às empresas Ørsted, principal grupo de energia da Dinamarca, e Shell Energy Europe, que fornece gás para a Alemanha, por se recusarem a pagar em rublos pelo fornecimento do hidrocarboneto.

VEJA AINDA:

UCRÂNIA: PELO MENOS 343 CRIANÇAS MORRERAM NA SEQUÊNCIA DA INVASÃO RUSSA

Lusa

PUTIN RESPONDE À NATO E SOBRE A UCRÂNIA ASSEGURA QUE ‘NADA MUDOU’ – GUERRA

Lusa

COMBUSTÍVEIS: PESADOS DE MERCADORIAS COM DESCONTO EXTRAORDINÁRIO NO GASÓLEO

Lusa

KIEV SAÚDA ‘POSIÇÃO LÚCIDA’ DA NATO SOBRE A RÚSSIA

Lusa

UCRÂNIA PODE CONTAR COM APOIO DA NATO ‘O TEMPO QUE FOR NECESSÁRIO’ – STOLTENBERG

Lusa

STOLTENBERG: ‘FINLÂNDIA E SUÉCIA TORNARÃO A NATO MAIS FORTE’

Lusa