RÁDIO REGIONAL | PORTUGAL
ECONOMIA & FINANÇAS

SENTIMENTO ECONÓMICO NA ZONA EURO COM MAIOR RECUO MENSAL DE SEMPRE EM MARÇO – BRUXELAS

O indicador do sentimento económico registou, em março, o maior recuo mensal na zona euro (-8,9 pontos) desde que há registos, tendo ainda caído 8,2 pontos na União Europeia (UE), divulga hoje a Comissão Europeia.

Dados da Direção-Geral dos Assuntos Económicos e Financeiros da Comissão Europeia indicam que o maior recuo no indicador desde que há registos (1985), de 8,9 pontos para os 94,5, deveu-se à queda da confiança dos consumidores e em todos os setores de negócios na zona euro, particularmente nos serviços e no comércio de retalho.

O sentimento económico recuos nas cinco maiores economias da zona euro, com particular destaque para Itália (-17,6 pontos) e Alemanha (-9,8), seguindo-se França (-4,9), Holanda (-4,0) e Espanha (-3,4).

Na UE, o sentimento económico baixou 8,2 pontos para os 94,8.

Bruxelas adverte que os dados foram recolhidos entre 26 de fevereiro e 23 de março, tendo a maioria das respostas sido recebida antes de vários países terem adotado medidas de confinamento estritas para combater a pandemia da covid-19.

Bruxelas assinala ainda, no boletim, que o indicador das expectativas de emprego recuou 10,9 pontos para os 94,1 na zona euro e 9,7 pontos para os 94,8 na UE.

VEJA AINDA:

COVID-19: GOVERNO PROLONGA SITUAÇÃO DE CALAMIDADE ATÉ 31 DE AGOSTO

Lusa

COVID-19: FESTAS E ROMARIAS POPULARES CONTINUAM PROIBIDAS ESTE VERÃO – GOVERNO

Lusa

COVID-19: TELETRABALHO DEIXA DE SER OBRIGATÓRIO A PARTIR DE DOMINGO (1 DE AGOSTO)

Lusa

RÚSSIA MULTA GOOGLE POR VIOLAR REGRAS DE ARMAZENAMENTO DE DADOS PESSOAIS

Lusa

CENSOS2021: CERCA DE 50% DA POPULAÇÃO RESIDENTE EM PORTUGAL CONCENTRA-SE EM 31 DOS 308 MUNICÍPIOS

Lusa

PÚBLICO REGRESSA AO FUTEBOL – SUPERTAÇA VAI TER 33% DA LOTAÇÃO

Lusa