RÁDIO REGIONAL
MAGAZINE

SEXO: CHEGARAM OS “ROBÔS SEXUAIS”

nbsp| RÁDIO REGIONAL

A robotização já chegou também à industria do “sexo”. O prazer cada vez maior leva à busca de máquinas cada vez menos imperfeitas para satisfação de mulheres … e homens ! Um robô sexual foi testado e fica o vídeo …

Karley Sciortino tem 31 anos, está solteira e escreve em colunas de revista, sobre #sexo. Com o tema dos robôs sexuais ou bonecos sexuais ganhando cada vez mais destaque, ela foi convidada a experimentar um deles, e contar sua experiência para um documentário.

A loira esteve com Gabriel, um robô, e só tem coisas positivas a dizer sobre a “performance” do companheiro sexual que teve. Esqueçam as bonecas infláveis, porque os bonecos sexuais do futuro serão cada vez mais reais e parecidos com humanos, e isso será para eles e para elas.

Pelo menos é o que revela Karley, que diz que esse robô, além de combater a solidão, ajuda a mulher a descobrir a sua sexualidade, uma vez que só vai fazer aquilo que estiver gostando, mediante sua vontade. Sobre o boneco, ele seria cada vez mais real. O órgão sexual estaria disponível em duas funções, em que uma seria mais flácida, podendo depois se ativar, quando quiser, para uma versão mais ereta, para a relação sexual.

Uma das coisas que Karley conta sobre o robô Gabriel tem a ver com a temperatura do pênis. Alegadamente, algumas versões anteriores desses bonecos sexuais teriam o inconveniente de ficar muito frias, uma questão que terá sido já ultrapassada. Karley descreveu o órgão sexual como sendo parecido com o real, de um homem, incluindo “pelos pubianos reais, um interior rígido e uma suave camada exterior”.

O documentário mostra como o robô é feito e a interação de Karley com ele. “Parece absolutamente indistinguível de uma pessoa real, exceto que estou completamente no controle. Você não pode ter essa experiência fazendo sexo com uma pessoa real”, considerou a loura.

Os robôs sexuais estariam à venda por pouco mais do que cinco mil euros. Inicialmente, estes robôs estariam sendo pensados com características terapêuticas, e que poderiam servir para idosos usarem, mas também para agressores sexuais, de modo que eles pudessem treinar seus instintos sexuais. A doutora Kate Devlin revelou para o jornal Mirror que existe quem defenda que esses robôs possam ser colocados em “centros para idosos, para combater a solidão”, e também para “reabilitação de pedófilos”.

Fica o video do “test-drive” e comentários, com especial aviso que se trata de imagens não aconselhadas a menores de 18 anos.

VEJA AINDA:

COVID-19: ATIVIDADE SEXUAL E SATISFAÇÃO REDUZIDAS COMO CONSEQUÊNCIA DA PANDEMIA

Lusa

DO REAL PARA O DIGITAL: 5 COISAS QUE PODEM FUNCIONAR MELHOR ATRAVÉS DA INTERNET

Rádio Regional

CORONAVÍRUS: SALÃO ERÓTICO DO PORTO TOMA MEDIDAS DE PREVENÇÃO

Lusa

PRIMEIRA MENSTRUAÇÃO DAS PORTUGUESAS TEM VINDO A SURGIR MAIS CEDO – ESTUDO

Lusa

GRÁVIDAS: COSMÉTICOS AUMENTA RISCO DE OBESIDADE NAS CRIANÇAS

Lusa

VIOLÊNCIA SEXUAL: UMA ‘PANDEMIA’ QUE JÁ LEVOU 136 MULHERES A PEDIR AJUDA

Lusa