REGIÕES

SUSPEITO DE MATAR MULHER EM VILA REAL DE S. ANTÓNIO EM PRISÃO PREVENTIVA

Um homem suspeito do homicídio de uma mulher em Vila Real de Santo António, no Algarve, detido poucas horas depois do crime, ocorrido na manhã de quinta-feira, vai aguardar julgamento em prisão preventiva, disse à Lusa fonte policial.

O homem, de 44 anos, foi ouvido hoje em primeiro interrogatório judicial, sendo suspeito de de ter matado a mulher com quem tinha tido uma relação sentimental, “com recurso a uma arma branca”, indicou a Polícia Judiciária (PJ) em comunicado divulgado na quinta-feira.

Segundo a PJ, a mulher foi morta no interior da sua residência em Vila Real de Santo António, no distrito de Faro, cerca das 12:30, tendo o suspeito sido detido pouco depois pela GNR em Monte Gordo, a poucos quilómetros do local do crime.

A operação obrigou ao destacamento de militares do Corpo de Intervenção para a área do posto da GNR, onde o detido foi conduzido inicialmente, uma vez que começaram a concentrar-se no local familiares e amigos da vítima.

A investigação foi conduzida pela Diretoria do Sul da PJ que recolheu “relevantes elementos probatórios que conduziram à detenção do suspeito” ao qual foi decretada a prisão preventiva.

LUSA

VEJA AINDA:

ALFÂNDEGA DA FÉ: NÃO HÁ REGISTO DE NOVOS CASOS COVID-19 NAS ESCOLAS

Lusa

VILA VIÇOSA: 14 INFETADOS COM COVID-19 NOS SERVIÇOS DA MISERICÓRDIA

Lusa

PEDRO COSTA DIZ QUE EM PORTUGAL O NETFLIX É ‘CRIME ORGANIZADO’

Lusa

AVEIRO: 13 ANOS DE PRISÃO PARA HOMEM QUE MATOU A MÃE

Lusa

AÇORES: SITUAÇÃO DE CALAMIDADE PROLONGADA ATÉ 23 DE OUTUBRO

Lusa

APLICAÇÃO STAYAWAY COVID ALVO DE PROVIDÊNCIA CAUTELAR

Lusa