CIÊNCIA & TECNOLOGIA

UM BAIRRO SUSTESTÁVEL

BAIRRO SUSTENTÁVEL

Com tectos solares, bairro alemão já produz quatro vezes mais energia do que consome. Um exemplo de sustentabilidade energética. Alguém ainda tem dúvida de que esse é o caminho?

Limpa, segura e abundante, a energia solar está, sem dúvida, entre os mais sustentáveis e melhores meios para obter energia eléctrica. E por falar em sustentabilidade, quantas soluções sustentáveis são possíveis em um único bairro, cidade ou comunidade? Uma grande prova disso é o vilarejo alemão conhecido como Schlierberg, que nos mostra que os alemães realmente entendem e levam a sério o tema.

As 59 residências que compõem o bairro de aproximadamente 11.000 m² (há ainda um edifício comercial, chamado de Sun Ship – Navio Solar) são feitas de madeira. Praticam o re-uso de água de chuva, usam materiais ecológicos, isolamento térmico a vácuo e um ambiente livre de carros, pois todos ficam em um estacionamento no Sun Ship, também fazem parte do escopo e dão um show de respeito às pessoas e à natureza.

Mas não para por aí, a característica que mais chama a atenção em Schlierberg é sua eficiência. Extremamente bem projetada, a vila “usa e abusa” de telhados feitos com placas fotovoltaicas, que como resultado geram cerca 4 vezes mais energia elétrica do que o necessário para consumo próprio. Tamanha eficiência proporciona a não emissão de aproximadamente 500 toneladas de CO2 na atmosfera, segundo dados do próprio arquitecto responsável pelo projeto, Rolf Disch.

Vê aqui algumas imagens do local, que além de eficiente é muito bonito:

BAIRRO SUSTENTÁVEL
BAIRRO SUSTENTÁVEL
BAIRRO SUSTENTÁVEL
BAIRRO SUSTENTÁVEL
BAIRRO SUSTENTÁVEL
BAIRRO SUSTENTÁVEL
BAIRRO SUSTENTÁVEL
BAIRRO SUSTENTÁVEL

VEJA AINDA:

CADAVAL: SURTO EM LAR SOBE PARA 42 INFETADOS COM COVID-19

Lusa

MACEDO DE CAVALEIROS: DOIS MORTOS EM SURTO COM 27 INFETADOS EM CASA DE REPOUSO

Lusa

ÉVORA: SOBE PARA QUATRO TOTAL DE MORTES NO SURTO LIGADO À MISERICÓRDIA DE VILA VIÇOSA

Lusa

FARO: LIGAÇÃO FLUVIAL LUSO-ESPANHOLA PELO GUADIANA INTERROMPIDA

Lusa

COVID-19: REGIÃO NORTE PODERÁ ATINGIR OS SETE MIL CASOS DIÁRIOS NOS PRÓXIMOS DIAS

Lusa

MATOSINHOS: CENTROS COMERCIAIS VÃO ENCERRAR ÀS 21 HORAS

Lusa