NACIONAL

CAVACO SILVA ASSISTIU À POSSE MAS NÃO PARTICIPOU NA SESSÃO DE CUMPRIMENTOS A MARCELO

O antigo Presidente da República Aníbal Cavaco Silva assistiu hoje no parlamento à tomada de posse de Marcelo Rebelo de Sousa, mas não se deslocou ao Salão Nobre para a sessão de cumprimentos ao atual chefe de Estado.

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, deixou a Sala das Sessões pelas 11:30, depois de tomar posse e de discursar, ladeado pelo presidente da Assembleia da República, Eduardo Ferro Rodrigues.

Os dois dirigiram-se ao Salão Nobre do parlamento para a protocolar sessão de cumprimentos ao chefe de Estado.

Pouco depois, Aníbal Cavaco Silva saiu da sala onde decorrem as sessões plenárias, cumprimentou o núncio apostólico nos Passos Perdidos, e dirigiu-se à escadaria que leva à saída da Assembleia da República, não tendo chegado a entrar no Salão Nobre para cumprimentar formalmente Marcelo Rebelo de Sousa.

A sessão de cumprimentos durou 20 minutos, cerca de metade do tempo de há cinco anos, e foi marcada pela ausência de contacto físico, devido à pandemia de covid-19.

Os deputados, membros do Governo, líderes partidários e os poucos convidados foram passando por Marcelo Rebelo de Sousa e Eduardo Ferro Rodrigues, mantendo a distância de segurança. Os acenos com a cabeça ou com a mão foram os mais utilizados.

Em alguns casos houve também lugar para breves conversas, como com o antigo Presidente da República António Ramalho Eanes e a esposa, Manuela Eanes.

VEJA AINDA:

CHEGA PROPÕE ‘LEI-TAMPÃO’ DE PREÇOS DE COMBUSTÍVEIS DURANTE PANDEMIA

Lusa

PARTIDO CHEGA! QUER PROIBIR A NOMEAÇÃO DE FAMILIARES NO GOVERNO

Lusa

PRESIDENTE MARCELO REBELO DE SOUSA ‘ESTREIA-SE’ NO TWITTER

Lusa

GOVERNO DIZ QUE O PSD ‘MENTIU’ AOS TRANSMONTANOS SOBRE AS BARRAGENS DA EDP

Lusa

CAVACO SILVA ALERTA PARA ‘DEMOCRACIA AMORDAÇADA’ E ‘VERGONHA’ COM NÚMEROS DA PANDEMIA

Lusa

ENTRE-OS-RIOS: 20 ANOS DEPOIS MARCELO EVOCA A MEMÓRIA DAS 59 VÍTIMAS

Lusa